A história real por trás de 6 fotos bizarras

0

Os seres humanos tentam capturar um registro visual preciso do mundo à sua volta desde a primeira fotografia. Isto inclui tentativas de capturar evidências do desconhecido. Infelizmente, pra cada fotografia memorável de uma nova descoberta, há várias outras que contam casos de confusão ou fraudes deliberadas. Abaixo estão alguns exemplos de fotos bizarras, juntamente com as explicações pra cada uma.

A Fotografia do Cirurgião do Monstro do Lago Ness

monstro do lago ness

Durante décadas, a famosa “foto do cirurgião” de 1934 serviu como prova pra alguns que existia o monstro de Lago Ness. O nome da imagem vem do médico britânico, R. Kenneth Wilson, que supostamente tirou a fotografia ao visitar o lago escocês. A foto mostra um animal que se parece com um plesiossauro – uma réptil de pescoço comprido extinto – subindo pra fora da água. Mas em 1994, os investigadores revelaram que a foto do cirurgião é uma farsa. Os fraudadores construíram uma cabeça e pescoço em miniatura, colaram num submarino de brinquedo, tiraram a foto e apresentaram-na ao jornal londrino Daily Mail pra publicação. A versão não recortada da imagem torna a fraude um pouco mais óbvia. Se isso não é prova suficiente da verdade, fósseis de plesiossauros mostram que teria sido fisicamente impossível pra um deles estender o seu pescoço pra fora da água como na foto.

  17 fatos sobre a mente que nos ajudam a entender as pessoas

A Carcaça de Zuiyo Maru

carcaça de zuiyo maru

Em 1977, um barco de pesca japonês chamado Zuiyo Maru puxou uma carcaça pra fora do mar perto da Nova Zelândia. A tripulação tirou algumas fotos e recolheu algumas amostras de tecidos, antes de lançar o pedaço de carne podre de volta ao mar. À primeira vista, a carcaça parece ser os restos em decomposição do plesiossauro acima mencionado. O pescoço longo e a cabeça são semelhantes à nossa concepção popular da Nessie. As amostras de tecido, no entanto, revelaram que o que os pescadores puxaram pra fora do oceano era provavelmente os restos de um tubarão-peregrino, o segundo maior peixe do mundo, que estava tão decomposto que realmente parecia com os restos de um plesiossauro. Embora um plesiossauro provavelmente já estaria muito mais avariado.

O Rosto em Marte

rosto em marte

Em 1976, a nave espacial Viking I da NASA tirou uma foto do que parece ser um rosto humanoide feito de rocha na superfície de Marte. A foto tornou-se um fenômeno tabloide quando a NASA a lançou pro público. Era a evidência de uma civilização extraterrestre? Bem… Não, é simplesmente uma ilusão de ótica criada quando a luz bateu nas rochas de uma forma particular. Imagens mais recentes e de alta qualidade mostram que a formação de rocha é bem normal.

Ver padrões em objetos é um exemplo de pareidolia – a maneira do cérebro criar ordem a partir do caos. É por isso que vemos formas em nuvens ou um coelho na lua. Infelizmente, isso não explica por que as pessoas continuam a pagar pra assistir filmes do Adam Sandler.

  6 jogos de bebida que você nunca deveria jogar

O Macaco de Loys

macaco de loys

Em 1920, um geólogo suíço chamado Francois De Loys supostamente encontrou um par de macacos humanoides agressivos nas selvas da Venezuela. De acordo com De Loys, ele matou uma das criaturas, a apoiou em uma caixa e tirou a fotografia acima. O animal é notável porque, se fosse real, é o primata mais bizarro já registrado.

Apesar das expectativas, o animal é realmente um macaco-aranha – o que não impediu De Loys a clamar sua “nova descoberta”. Anos mais tarde, Doutor Enrique Tejera escreveu uma carta a uma revista científica venezuelana, afirmando que ele trabalhou com De Loys na Venezuela e que o animal na foto era um macaco-aranha de estimação falecido do geólogo. A perspectiva da foto faz o macaco parecer maior do que realmente era e o macaco de Loys é agora considerado uma das farsas mais bem divulgadas pela comunidade científica moderna.

O Satélite Cavaleiro Negro

satélite cavaleiro negro

O Satélite Cavaleiro Negro é um objeto de 13 mil anos de idade – possivelmente de origem alienígena – que os teóricos da conspiração afirmam orbitar a Terra. Então, por que você nunca ouviu falar sobre isso? Porque o governo está escondendo de você, é claro! Em 1998, o ônibus espacial Endeavour tirou a foto acima – este é o objeto misterioso em órbita? Ele vai projetar seus raios da morte alienígenas na superfície da Terra um dia?

  5 religiões bizarras existentes no mundo

Na verdade, o objeto é um cobertor térmico que os astronautas perderam durante uma missão e que queimou na atmosfera. Parece que a humanidade está a salvo do cobertor do mal que planeja aumentar sua massa de forma exponencial e cobrir a Terra com seu aconchego perigoso.

Menino fantasma em Três Solteirões e Um Bebê

fantasma três solteirões e um bebê

Talvez o aspecto mais memorável do filme Três Solteirões e Um Bebê de 1987 é a lenda urbana sobre um fantasma real que aparece no filme. Durante uma cena entre o ator Ted Danson e a atriz Celeste Holm, a câmara passa brevemente pela sala. Perto de uma janela, você pode ver uma figura que parece ter o tamanho de uma criança. A lenda urbana afirma que este é o fantasma de um menino que morreu naquela casa.

Na realidade, ele é simplesmente um boneco de papelão de Ted Danson vestindo um chapéu alto. O recorte é parte de uma subtrama que o diretor Leonard Nimoy removeu do filme final. Dito isto, um recorte de Ted Danson vestindo um chapéu alto ainda é quase tão macabro quanto um fantasma.

Fonte: http://www.grunge.com/19863/real-stories-behind-incredibly-bizarre-photographs/

Deixe um Comentário