Choking game, o “jogo” que tirou a vida de um garoto brasileiro de 13 anos

2

A morte de um garoto de 13 anos devido ao choking game, ou jogo de asfixia, uma espécie de “brincadeira”, após uma partida do game virtual League of Legends, chamou a atenção de milhares de internautas. A reportagem que fala sobre o caso circulou pelas redes sociais desde sua publicação, na segunda-feira (17).

De acordo com o boletim de ocorrência do caso, Gustavo Detter, residente da cidade de São Vicente (SP), estava jogando League of Legends quando se enforcou. A cena teria sido acompanhada pelos outros jogadores, já que todos conversavam entre si por meio de webcams.

Ainda não se sabe se o garoto foi induzido a se enforcar ou se fez por livre e espontânea vontade. No entanto, é praticamente certo que ele havia praticado o chamado choking game, também chamado de jogo de asfixia.

O que é choking game?

O choking game consiste em promover asfixia, seja sozinho ou com a ajuda de outra pessoa. A ideia é que, com isso, seja interrompido o fluxo de sangue e oxigênio para o cérebro.

Assim, a pessoa se induz a desmaios, euforias e vertigens. É uma forma de se ter uma sensação diferente, ou “curtir um barato”, sem gastar dinheiro ou se envolver com álcool e drogas.

Há quem chame o choking game de “o jogo dos bons garotos”, visto que não envolve álcool ou drogas. No entanto, há muitos riscos relacionados a essa brincadeira.

  Veja 5 mitos desvendados sobre o corpo masculino

Dados

A Academia Americana de Pediatria afirma que o choking game existe desde a década de 1930, mas foi a partir dos anos 1990 que ganhou popularidade. Nos Estados Unidos, a agência Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) estima que, entre 1995 e 2005, pelo menos 82 jovens entre 6 e 19 anos morreram em função do jogo da asfixia.

Mais de 80% das vítimas é do sexo masculino. Em 95% dos casos, os falecimentos ocorreram quando as crianças ou os jovens estavam sozinhos.

No Reino Unido, pelo menos oito jovens morreram graças ao choking game desde 2010. No Canadá, não há registros de quantas pessoas faleceram em função da brincadeira, porém, uma pesquisa apontou que cerca de 79 mil crianças e adolescentes já participaram do jogo somente na província de Ontario.

Riscos

Nem todo mundo que faz o choking game acaba por morrer. No entanto, há muitos registros de pessoas que sofreram com problemas de saúde, leves ou graves, após a prática da brincadeira.

Concussão, fratura e hemorragia nos olhos são alguns dos sintomas mais comuns. Existem casos de quem sofreu com danos nas células cerebrais, o que resultou em problemas de memória, dificuldade de concentração e até doenças mais graves que, futuramente, debilitaram ou mataram tais pessoas.

O que é feito para mudar?

Poucas pesquisas são feitas com relação ao choking game, porque entende-se que há um baixo potencial de risco envolvido. No entanto, a brincadeira tem ganhado espaço nas redes sociais nos últimos tempos, o que pode fazer com que a incidência de casos aumente.

  4 teorias da conspiração sobre a morte de Eduardo Campos

Algumas escolas tentam conscientizar seus alunos sobre os riscos do choking game, no entanto, ainda há pouca discussão acerca do assunto. Se você conhece alguém adepto ao choking game, faça o possível para convencer essa pessoa a abandonar esta prática.

Discussão2 Comentários

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com