Conheça as principais propostas de Donald Trump para os Estados Unidos

3

A eleição de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos balançou o mundo na madrugada desta quarta-feira (9). O bilionário, que não tem carreira ou experiência na política, derrotou a ex-secretária de Estado americana, Hillary Clinton, e assumirá a Casa Branca no dia 20 de janeiro de 2017.

Ao longo da corrida presidencial, Donald Trump deu uma série de declarações polêmicas, especialmente quando o assunto era imigração. A mais notável, em junho deste ano, foi quando Trump disse que iria propor o fim temporário da imigração de muçulmanos para os Estados Unidos. Ele já era candidato à presidência quando afirmou isto.

Antes, em abril de 2016, quando ainda era pré-candidato, Donald Trump disse que iria bloquear transferência de dinheiro de imigrantes ilegais para o país vizinho até que ele pagasse por um muro que os separassem. Extremismo desnecessário, para muitos.

Mas você conhece as propostas de Donald Trump para os diversos segmentos políticos? Veja o que ele disse ao longo da corrida presidencial:

Economia

05-dolar

Donald Trump pretende aumentar os empregos nos Estados Unidos e elevar o salário mínimo de US$ 7,25 a hora para US$ 10. Para isso, ele quer adotar uma política protecionista, punindo empresas que queiram deixar os EUA e aumentando impostos daqueles que não empreguem preferencialmente americanos.

Em termos de comércio, medidas protecionistas prejudicam o Brasil, segundo maior parceiro comercial dos Estados Unidos, atrás somente da China, maior afetada com um possível endurecimento dos EUA neste quesito. Não haveria mais abertura para produtos brasileiros.

  Top 5 estátuas mais altas do mundo

A questão, no entanto, é saber até onde a política protecionista de Donald Trump pode ir. Além de seu partido ser contra medidas do tipo, o próprio Trump é alguém imprevisível, que pode mudar de ideia com o tempo.

Política externa

00-planeta-terra-mundo

No que diz respeito à política externa, Donald Trump adotou o mesmo discurso protecionista. Para ele, os Estados Unidos estarão sempre em primeiro lugar, custe o que custar.

Trump prometeu ampliar o poder militar americano (e até ser simpático a táticas de tortura), mas disse que quer convivência pacífica com outras potências. Só não quer que elas pisem em seu calo.

Neste quesito, há pouca influência no cotidiano brasileiro. Estados Unidos e Brasil sempre mantiveram boa relação diplomática.

Sustentabilidade

energia-nuclear

Donald Trump se diz a favor da energia nuclear. Ele também é contra políticas de energia limpa, pois, segundo ele, métodos sustentáveis colocam empregos em perigo.

Para Trump, alterações climáticas não estão entre os maiores problemas do mundo. Em 2014, chegou a dizer que as mudanças no clima “eram uma invenção dos chineses”.

Educação

10-livro-leitura

Para a educação, Donald Trump não propõe nada em específico. Ele quer que cada estado seja independente para determinar o que fazer neste quesito.

A maior preocupação de Donald Trump com relação às escolas está relacionada às armas. O bilionário quer que colégios deixem de ser “zonas livres de armas” – ou seja, que pessoas possam portar armas dentro e ao redor de tais áreas. A ideia é evitar ataques como o de Massacre de Columbine.

  10 estranhas peças de roupa íntima utilizadas ao longo dos séculos

Saúde

03-medico

Este é um dos campos de maior oposição de Donald Trump ao atual presidente, Barack Obama. Trump afirmou que um de seus primeiros movimentos como presidente dos Estados Unidos é revogar o Obamacare, a lei que diz que todo americano deve ter plano de saúde a partir do controle dos preços oferecidos.

Para Trump, a melhora da economia é o único caminho para melhorar a saúde, visto que, segundo ele, neste caso as pessoas poderiam pagar por qualquer plano de saúde. O Medicaid, um programa de saúde social para famílias e indivíduos de baixa renda, ficaria como responsabilidade dos estados.

Imigração

imigracao-passaporte-estados-unidos

Ponto mais discutido e polêmico do governo de Donald Trump. O agora político quer expulsar os 11 milhões de imigrantes ilegais que estão nos Estados Unidos.

Além da polêmica com o muro na fronteira com o México, Donald Trump pretende aumentar taxas de entrada e de vistos temporários nos Estados Unidos. O bilionário também quer acabar com um visto específico que permite que não imigrantes especializados sejam contratados para cargos determinados.

Donald Trump não quer que o país receba refugiados de nenhuma ordem. Ele chegou a propor a proibição da entrada de muçulmanos, apesar de este discurso ter se abrandado com o tempo.

Fontes: Agência Brasil, BBC Brasil, G1



Discussão3 Comentários

  1. Esse psicopata vai fuder o próprio país, e prejudicar todos os países em geral, nenhum país vive apenas de econômica, se vive de saúde, educação, importação e exportação coisas deste tipo, esta mais parecendo um Adolf Hitler, espero que ele não promova mais uma guerra.

  2. Bom eu nao tenho informações adicionais do relevo de modo a defender a minha reputação sobre tudo naquilo que ê neste caso a governaçao deste individuo. Me parece que ele pensa que ter um poder economico pessoal bastante forte ira lhe ajudar no seu poder . Engano seu tens de infestigar mais sobre a pulitica camarada nao nos passe a vergonha

Deixe um Comentário