Os 10 sites e serviços mais infames da Deep Web

0

Estima-se que a Deep Web tem 500 vezes mais conteúdo do que a nossa Internet padrão. Isto é especialmente assustador quando notamos que a maior parte do seu conteúdo é ilícito.

Aqui estão 10 sites e serviços infames da Deep Web.

1) The Hidden Wiki

hidden-wiki

Tanto quanto a Wikipédia é um dos sites mais consultados da Internet, a Hidden Wiki serve de guia pra Deep Web. Aqui, você tem uma bússola pra te guiar até onde você quer chegar ou simplesmente pra evitar clicar no site errado e ficar paranoico se o FBI vai bater na sua porta por algo que você simplesmente não queria acessar.

Através da Hidden Wiki, você encontra salas de chat privados, jogos censuráveis e outros sites nada éticos, como por exemplo…

2) The Human Experiment

the-human-experiment

Um dos sites mais populares da Deep Web, The Human Experiment é uma associação de médicos e estudantes com o argumento de que “nem todos os humanos são iguais, alguns nascem superiores aos outros”. O site é dedicado a ilustrar experimentos reais feito em pessoas vivas – moradores de rua, na maioria -, o que inclui: inanição e restrição de água / líquido, vivissecção / tolerâncias à dor, doenças infecciosas e seus efeitos nos órgãos, transfusões, testes de remédios e drogas, esterilização e tolerâncias de bebês e crianças a raios-X, calor e pressão.

  A lenda do Lobisomem: Mito ou verdade?

Enquanto existem muitas mentiras por toda a Internet, essa página tem muito conteúdo aparentemente legítimo. Felizmente, The Human Experiment não é atualizado oficialmente desde 2011. Não tão felizmente, se o motivo do silêncio fosse algum tipo de justiça, o site teria saído do ar.

3) Daisy’s Destruction

peter-scully

80% dos usuários da Deep Web estão atrás de algum tipo de abuso a menores. Duas prisões em 2015 jogaram alguma luz nessa porcentagem e na profundeza da depravação humana. Peter Scully, um australiano de 51 anos, foi preso na República das Filipinas por fraude, estupro, tortura e assassinato. Scully promoveu um pay-per-view onde ele e uma parceira, Carmen Ann Alvarez, estupraram e torturaram pelo menos oito meninas, incluindo um bebê de 18 meses, cobrando centenas de dólares pelo acesso.

Scully e Alvarez felizmente foram capturados após duas de suas vítimas escaparem e procurarem as autoridades, que já estavam investigando sua localização. Scully aguarda julgamento e provavelmente vai pegar prisão perpétua e terá que devolver mais de dois milhões de dólares das suas fraudes.

4) Swatting

swatting

Swatting é o ato de obter o IP de uma vítima e denunciar sua localização como algum ato criminoso grave – tipo uma bomba ou um sequestro – pra que uma equipe da Swat chute a porta do coitado e basicamente estrague o dia de todo mundo com um baita susto… O que acabou se tornando uma febre idiota no YouTube. Algumas das vítimas foram políticos e celebridades, mas a maioria foi composta por jogadores de videogame, alvos de seus rivais pra que seus perfis fossem cancelados.

  12 fotos embaraçosas do Google Street View

Os valores básicos em dólares são: US$ 5 pra uma “situação leve”, US$ 10 pra um cerco policial e US$ 20 pra uma equipe da Swat real aparecer. Os preços são relativamente baixos porque o serviço é simples e rápido, o que também acelerou as investigações do FBI, o que tem dificultado a vida dos trolls.

5) The Silk Road

silk-road-deep-web

Também conhecido como a Amazon das drogas, The Silk Road – a Rota da Seda – é um serviço de compra e venda de todos os tipos de drogas pagas por Bitcoin, o que inclui votos e comentários pra qualificar os vendedores.

Por mais que o FBI feche o serviço anualmente, um novo surge ao estilo The Pirate Bay, mesmo depois da prisão do seu fundador, Ross William Ulbricht, em outubro de 2013.

6) Buttery Bootlegging

buttery-bootlegging

Buttery Bootleggin é um serviço prestado pelo cleptomaníaco profissional conhecido como Dangler, que promete roubar o que você quer comprar, mas não tem dinheiro o suficiente, e te vender por um preço menor.

O “serviço” funciona através de uma negociação via Bitcoin e então uma foto do seu produto com uma placa escrita Dangler como prova da aquisição, pra então o pagamento e a entregar serem efetuadas. Esse site tem boas críticas e provavelmente é legítimo.

7) Atlantic Carding

atlantic-carding

A AC vende informações de cartões de crédito, endereços e todo tipo de dado necessário pra fraudar o dinheiro alheio. Quanto mais você quiser investir – valores entre US$ 5,00 à US$ 80,00 -, mais dinheiro é prometido, incluindo a promessa de “crédito infinito”.

  Cientistas criam arraia robótica com o coração de um rato

Atlantic Carding tem 95% de aprovação dos seus clientes, mas eu não recomendaria que você sonhasse alto, pois o FBI tem a operação Carder Profit, que já prendeu 24 hackers em 12 países diferentes, o que estima-se ter salvo 400 mil vítimas em potencial e poupado 205 milhões de dólares. Resumindo: o FBI leva a sério esse papo de fraude de cartões de crédito, então boa sorte se você quiser passar suas férias em Paris às custas dos outros.

8) Fixed Match Buy-In

fixed-match-buy-in

O FMBI é um serviço de apostas em partidas arranjadas de diversos esportes, com a promessa de pagamento de pelo menos o dobro do investimento. A aposta mínima é de US$ 20 mil, com metade de seus ganhos indo pra taxa de serviço do site, então na pior das hipóteses, você ganha seu dinheiro de volta, na melhor, todo mundo sai ganhando… exceto os atletas.

Apesar de parecer muito bom pra ser verdade e pouca gente ter dezenas de milhares de dólares pra arriscar, existe um bocado de usuários da Deep Web que alega ter enriquecido com essa fraude. Por outro lado, partidas arranjadas existem desde antes de Cristo – comprovadas por papiros egípcios que selavam acordos entre gladiadores -, a única novidade é que tem alguém vazando informações internas.

  9 casas malignas que não existem mais

9) Assassinos de aluguel

cthulhu-deep-web

A gente até tenta acreditar que assassinos de aluguel só existem em filmes de Hollywood, mas a Deep Web oferece um bocado de serviços do tipo, como C’thulu, Unfriendly Solution e Assassination Market. Cada um funciona de maneira específica, C’thulu aceita Liberty Reserve – uma moeda virtual ainda não reconhecida nos EUA -, enquanto o Unfriendly Solution é mais focado na negociação, geralmente com metade antes e metade depois do crime. O Assassination Market, por sua vez, é um financiamento coletivo de assassinatos, com os maiores investidores inclusive escolhendo a forma do crime. Considerando que o nome do Justin Bieber já esteve na lista e ele ainda está vivo, esse último parece ser mais uma piada de mal gosto do que um serviço real.

10) Euroarms

euroarms-deep-web

Não é só nos videogames que você paga pra ter uma arma melhor, com a Euroarms, os europeus podem pagar Bitcoins em troca de uma AK-47 de verdade! Tanto quanto o The Silk Road vende drogas, Euroarms vende armas e as entrega diretamente no seu endereço, mas o serviço é exclusivo pra União Europeia. Curiosamente, a Euroarms não vende munição, mas não deve ser difícil comprar isso na Deep Web também. Como os demais serviços pagos listados aqui, esse site tem boas avaliações, o que indica legitimidade.

  Nasa descobre sistema com exoplanetas semelhantes à Terra

Fonte: http://thoughtcatalog.com

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com