10 Fracassos do Dia da Mentira – 1º de abril

0

Nem sempre as brincadeiras do dia da mentira, 1º de Abril, saem como esperamos e algumas dessas “pegadinhas” tem um resultado muito ruim. Então da próxima vez que for inventar uma mentira no 1º de abril, tome cuidado. Planeje antes e, de preferência leia essa lista do Acredite ou Não.

1. Uma das maiores ferramentas de busca removeu a piada do 1º de Abril depois do tiro ter saído pela culatra

minion mic drop
Os usuários do Gmail acordaram encontrando uma opção diferente para responder seus e-mails: “Mic Drop”. Ela consistia em um gif animado de um Minion do Meu Malvado Favorito deixando cair o microfone. E ele ainda cortava a conversa para o remetente, o que levou muitos a acreditarem que seus e-mails tivessem sido apagados e estavam irrecuperáveis.

O recurso foi mal recebido por alguns usuários que foram reclamar no Fórum de Ajuda do Gmail, dizendo que a animação era “infantil” e que acidentalmente foi incluída em e-mails profissionais e importantes.

“Eu cliquei nesse botão por acidente em um e-mail profissional com um contrato. Isso é ridículo e não é nada engraçado. Remova-o por favor!!!”, um usuário escreveu.

Outro afirma ter perdido seu emprego, dizendo: “Graças ao Mic Drop acabo de perder meu trabalho. Eu sou um escritor e tinha um prazo a cumprir. Mandei meus artigos para a minha chefe e ela não deu nenhum retorno. Mandei o e-mail usando sem querer o “Mic Drop” como botão de enviar. Tinham correções que precisavam ser feitas em meus artigos, e eu não recebi nenhuma resposta.

“Minha chefe achou que a animação foi uma ofensa e assumiu que eu não respondi a ela porque eu achei que suas correções eram desnecessárias. Eu acordei com uma mensagem de voz dela com muita raiva. E então, eu finalmente soube sobre essa “incrível brincadeira” em um post de um fórum com o título “Será que o Google vai me dar um emprego?”

Depois de tudo isso a equipe do Gmail do Google, removeu o recurso e pediu desculpas, falando que foi tudo culpa de um “bug”. (Fonte)

2. Vendas falsas de carnes exóticas transformou o 1º de Abril em um problema sério

carne fresca
A loja on-line de Singapura, Honestbee, criou um pesadelo para seus funcionários de relações públicas anunciando a venda fictícia de uma linha de carnes de animais ameaçados de extinção como panda, tigre e baleia com o tema do Indiana Jones.

A empresa começou a receber ordens no início da semana em seu site, com a data de entrega propositalmente marcada para 1º de Abril de 2016. A ideia era chamar a atenção para a questão da conservação da vida selvagem, o plano era repassar o lucro das vendas da página falsa para as instituições de conservação da vida selvagem, incluindo o World Wildlife Fund and Wildlife Reserves Singapore.

Mas antes do Dia da Mentira, comentários irritados começaram a aparecer na página do Facebook do Honestbee. Muitos de clientes sabiam que era um golpe, mas não acharam nenhuma graça. Internautas acharam uma brincadeira revoltante e de muito mau gosto. Alguns ameaçaram boicotar a empresa e pediram para os outros fazerem o mesmo.

Os clientes que pagaram pela carne exótica receberam um pacote de lanche temático de animais no 1º de Abril, com algumas informações sobre como fazer mais doações para instituições que cuidam dos animais selvagens. (Fonte)

3. O homem que tentou roubar um diamante de US$25K substituindo-o por um falso

Phuoc Tran
Um homem foi preso no 1º de Abril de 2014 por tentar roubar um diamante de US$25.000 em uma loja de joias no Arizona e trocá-lo por um falso que estava no seu brinco.

Phuoc Tran, 27, pediu para segurar o diamante enquanto fazia compras em uma loja de joias no Arizona Mills Mall e examinou-o na frente de dois vendedores da loja. Enquanto os vendedores não viram, ele escondeu o diamante e disse: “Feliz 1º de Abril”, enquanto entregava para um deles o falso cubo de Zircônia. A equipe logo reconheceu que era falso e confrontou Tran, que correu para fora da loja.

No dia seguinte, Tran enviou uma mensagem de texto para o vendedor informando que o roubo foi uma brincadeira. Mais tarde ele voltou para a loja com o diamante e antes de ser preso disse à polícia que queria dar o diamante de verdade para a mulher que ele pretendia propor casamento. (Fonte)

4. O país que proibiu o Dia da Mentira

china
Se você estiver na China no Dia da Mentira, você não precisa se preocupar em ser enganado porque a tradição foi proibida.

Em uma mensagem postada online pela agência de notícias oficial do país, Xinhua, disse: “Hoje é o Dia da Mentira no Ocidente. Esse dia não faz parte da cultura tradicional do nosso país, nem dos valores socialistas centrais. Esperamos que ninguém acredite, crie ou espalhe boatos.”

Usuários das mídias sociais chinesas ridicularizaram o post. Alguns disseram que era a melhor piada do dia, enquanto outros ficaram confusos se aquilo era para ser levado a sério ou não.

A China tem se preocupado com a influência dos meios de comunicação social na sua população. Três anos atrás, o Partido Comunista lançou uma campanha para criminalizar a disseminação de boatos mentirosos. (Fonte)

5. O escritório de advocacia que mentiu falando aos funcionários que estava eliminando e-mails de trabalho durante a noite e fim de semana

caixa de email
Em 2015, o escritório de advocacia com sede em Nova Iorque, Weil, Gotshal & Mange, disse aos funcionários que estava instituindo uma nova política de eliminação de e-mails de trabalho durante a noite e fim de semana e depois revelou que era uma piada.

O e-mail enviado para toda empresa falava que a empresa estava proibindo e-mails relacionados com o trabalho entre 23:00 e 06:00, assim como nos sábados, domingos e durante as férias. Os colaboradores ficaram eufóricos ao saber da nova política, supostamente inspirada em práticas da Europa, até que foi revelado ser apenas uma brincadeira.

Os funcionários não gostaram do fato dos seus chefes verem o equilíbrio entre trabalho-vida pessoal como uma piada. O escritório foi forçado a pedir desculpas em um segundo e-mail enviado para toda a empresa. Eles escreveram: Nós realmente erramos e pedimos sinceras desculpas. Nós valorizamos o esforço de todos vocês. Nós vamos continuar levando a sério o equilíbrio trabalho-vida pessoal, sempre avaliando maneiras de melhorar a qualidade de vida de vocês, dada a intensidade e exigências da profissão. (Fonte)

6. A empresa de jogos que se desculpou pela brincadeira anti-Nintendo durante o 1º de abril

frostbite 3
Em 2014, o executivo da EA Peter Moore pediu desculpas publicamente por uma série de tweets postados no Twitter, durante o Dia da Mentira, na conta oficial da Frostbite. Os tweets zombavam o fato da EA não desenvolver mais jogos de Wii U, e que não há uma versão do mais recente do jogo Frostbite para Wii U.

“Frostbite agora roda em #WiiU já que é a mais poderosa plataforma Gen4,” disse um dos tweets. “O nosso renderizador agora está otimizado para Mario e Zelda.” Falava o outro. “Frostbite vai turbinar #HalfLife3, lançamento no Verão de 2014! exclusivo para #WiiU “.

“Boas notícias”, a conta concluiu, “Nós finalmente arrumamos e otimizamos o nosso ‘netcode.’ Usamos o entrelaçamento quântico para conexões Zero Latency. Exclusivamente no #WiiU “.

Os tweets não foram muito bem recebidos pelos gamers. Em resposta, os tweets foram apagados um pouco antes de Moore publicar a seguinte declaração: “As nossas desculpas aos parceiros @NintendoAmerica & fan @FrostbiteEngine pela fracassada, e não tolerada pela EA, tentativa de brincadeira com o Dia da Mentira: Inaceitável /estúpido” (Fonte)

7. A adolescente que rompeu com o namorado no Dia da Mentira e experimentou o seu próprio remédio

Hayleigh Mcbay
Em 2015, Hayleigh McBay, 17, fingiu que queria terminar o seu namoro com David Clarke, enviando uma mensagem pelo WhatsApp à meia-noite. Mas a situação se inverteu, quando ele fingiu que também queria acabar com o relacionamento.

Twitter de Hayleigh Mcbay

    -“Eu não quero mais estar com você”
-“Não estou feliz”
-“Graças a Deus você disse primeiro”
-“o que”
-“o que”
-“o que você quer dizer?”
-“você disse primeiro, então não precisei dizer”
-“então você não quer me namorar?”
-“não”

Clarke, em seguida, revelou que ele também estava fazendo uma pegadinha de 1º de Abril com ela. Um ano depois, o casal parece ainda estar junto. (Fonte)

8. O site de notícias que foi criticado por uma história jihadi de mau gosto no Dia da Mentira

Hill_of_Allen_ISIS_bandeira
O site de notícias irlandês Kildare Now se desculpou por uma brincadeira “ofensiva” alegando que o ISIS tinha se apropriado de um local em Kildare.

Eles escreveram, “As forças de segurança irlandesas colocaram um anel de aço ao redor da área de Allen, e desvios rodoviários estão em vigor até segunda ordem, depois de um homem chamado ‘Paddy Jihaddy’ dizer que manipulou a área com explosivos e que mudou o nome do local para O monte de Allah. Um porta-voz das Forças de Defesa emitiu uma declaração dizendo que eles esperam ter a situação resolvida até às 12 horas, quando a vida pode retomar ao normal mais uma vez.” Eles ainda publicaram uma imagem alterada pelo Photoshop do local com uma bandeira ISIS em cima o prédio.

A reação on-line foi rápida e contundente. Um usuário do Twitter disse: “Vamos falar sobre uma tentativa fracassada de brincar sobre 1º de Abril. Quem pensou que seria uma boa ideia?”, Outro usuário bravo disse: “Que piada nada engraçadinha no Dia da mentira, @KildareNow!!!”

A site, então, pediu desculpas e disse que a piada “não foi oficialmente autorizada e foi publicada por um membro da equipe editorial.”

O artigo e fotografia foram removidos do site da Kildare Now e da conta do Facebook. (Fonte)

9. O comandante naval israelense que ficou em maus lençóis depois da sua brincadeira de 1º de Abril que deu errado

Israeli-missile
Em 2012, um comandante naval israelita, vice-almirante Ram Rotenberg, queria fazer uma brincadeira com os seus oficiais no Dia da Mentira. Ele disse para eles se prepararem para um treino surpresa de 10 dias no Mediterrâneo.

Eles juraram segredo sobre a operação e todos trabalharam no abastecimento noturno, na preparação de três navios com mísseis que iriam navegar para a costa italiana de Nápoles no dia seguinte. Eles ficaram chocados e irritados ao descobrirem que era tudo uma farsa, assim como as famílias que começaram o ritual habitual de enviar dinheiro, comida e encomendas para sustentar seus entes queridos enquanto eles estivessem fora.

Um membro da família disse a um site israelense: “Alguns dos pais já estavam a caminho para trazer mais equipamento e comida para os soldados e outros tinham transferido dinheiro caso eles precisassem de fundos na Itália. O comandante naval não tem nada melhor para fazer do que planejar pegadinhas?”

As Forças de Defesa de Israel chamou a piada de “inapropriada”. (Fonte)

10. O CEO que foi preso por causa da sua brincadeira de 1º de Abril

Richard-Branson
O fundador e presidente do Grupo Virgin, Richard Branson, é notoriamente um grande fã do Dia da Mentira, e ele gosta de usá-lo como uma forma de marketing para suas marcas e também para enganar a mídia e o público. No entanto, uma das suas maiores brincadeiras foi como um tiro que saiu pela pela culatra.

Em algum momento dos anos 90, Branson decidiu que o seu parceiro inicial de negócios da Virgin Records, Ken Berry, ia ser o seu alvo. Ele convidou Berry e sua namorada para um jantar, com a finalidade de distrai-los enquanto pessoas contratadas por ele iriam invadir o apartamento de Berry para levar tudo embora. Quando Berry chegasse em seu apartamento vazio, atores disfarçados de polícia iriam acompanha-lo para interrogá-lo e retirar impressões digitais, então Branson apareceria para gritar “1º de Abril” e trazer tudo de volta.

Isso não aconteceu. Durante o jantar Branson deixou a mesa para atender um telefonema e quando voltou descobriu que Berry e sua namorada tinham saído. Sem saber o que fazer, ele foi para casa e foi recebido por sua esposa, que lhe disse apartamento de Berry tinha sido arrombado. Branson decidiu que a brincadeira tinha perdido a graça, e chamou Berry explicar tudo. No entanto, Berry já tinha feito um boletim de ocorrência na polícia.

Antes que Branson tivesse a chance de remediar a situação, os policiais apareceram para prendê-lo. Eles o levaram para a delegacia e o jogaram em uma cela, onde passou a noite. Durante a manhã dois policiais o levaram para o andar de cima para acusa-lo de mais de uma dúzia de crimes, incluindo perder o tempo da polícia.

Confuso, cansado, e envergonhado, ele saiu e foi recebido por uma equipe da Virgin Records, liderada por Berry e pela polícia. “Primeiro de abril!” eles gritaram. Branson então ficou sabendo que depois que ele confessou tudo, Berry pediu aos policiais que encerrassem o caso. (Fonte)

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com