10 mortes acidentais bizarras do século XXI

0

Nós gostamos de pensar que vamos ter vida longa e ficar rodeados pela família e amigos. Claro, sabemos que a morte pode chegar a qualquer momento e de alguma maneira muito incomum. O que aconteceu com essas pessoas foi exatamente isso, a morte chegou de uma forma muito estranha e, provavelmente inesperada. Aviso: cenas fortes para pessoas sensíveis.

A vingança do perege

morte1
Em 2016, o pescador da Tanzânia, Robert Mwaijega, de 47 anos, estava com os amigos pescando perege, um peixe nativo da Tanzânia. Muitos deles ainda vivos dentro do recipiente em que foram colocados. De repente, um peixe deu um salto e pulou direto na boca de Robert. O peixe logo foi para sua garganta e trancou a entrada de ar.

Os amigos de Robert ficaram atordoados ao vê-lo naquela situação agonizante, mas como disse um dos homens sem rodeios: “Nós tentamos ajudá-lo, mas não pudemos fazer muito.”. Surpreendentemente, Robert sobreviveu durante a viagem para o hospital, apesar de quase não conseguir respirar. Ele morreu na cirurgia, enquanto os médicos tentavam remover o peixe. Um líder de vilarejo local descreveu o evento como “nunca antes visto”.

Feno assassino

morte2
Mike Edwards teve muito destaque na carreira como violoncelista, provavelmente devido à sua participação na fundação da lendária banda britânica Electric Light Orchestra, na qual tocou de 1972 a 1975. O homem de 62 anos viveu seus últimos anos no interior. Até que um acidente em uma fazenda local causou sua morte prematura, em 2010.
Ele foi vítima de um fardo de feno. O volume, com cerca de 600 quilos, deslizou por uma encosta e atingiu o veículo em que músico estava, em Devon, a sudoeste de Inglaterra. Sua morte imediata.

  A verdade sobre 20 fotos que supostamente saíram da Deep Web

Congelada viva

morte3
Crioterapia é uma técnica que auxilia a reduzir dores musculares e articulares. É semelhante a um banho de gelo, exceto que os participantes ficam de 2 – 3 minutos em uma câmara cilíndrica com ar supercongelado (a cabeça fica para fora). Enquanto os supostos benefícios de saúde questionáveis, a prática está sob votação de novo depois de um acidente que aconteceu próximo da data do Halloween, em 2015.

Chelsea Ake-Salvacion, de 24 anos, trabalhava no Spa Las Vegas onde o incidente ocorreu. Ela que ficaria mais tempo no trabalho para passar alguns minutos num tanque de Crioterapia. Para Chelsea, no entanto, a situação foi fatal, pois ela foi encontrada morta na manhã seguinte pelos colegas de trabalho.

Morte por baratas

morte4
O dono da loja de réptil Ben Siegel, estava promovendo um concurso, onde daria uma viagem para aquele que pudesse comer a maior quantidade de baratas. Edward Archbold, de 32 anos, estava ganhando de 30 concorrentes até que algo correu mal. Parece que ele simplesmente tentou colocar muitas baratas de uma vez na boca, antes que alguém pudesse ajudar, Edward morreu asfixiado. O proprietário da loja, obviamente, ficou devastado, porém, anteriormente, todos os concorrentes assinaram um termo onde “assumiam a responsabilidade por sua participação neste concurso estranho e nada ortodoxo.”

O gado assassino

morte5
A queda dos fardos de feno são uma coisa, mas vacas caindo do céu é algo totalmente inesperado. Embora esse não tenha sido exatamente o caso, fez pouca diferença ao brasileiro João Maria de Souza. Em 2013, ele estava dormindo tranquilamente ao lado de sua esposa, quando um animal caiu do telhado de sua casa diretamente em cima dele. A vaca de 1.360 kg, segundo a prefeitura de Caratinga, seria de um produtor rural, vizinho de João Maria. De acordo com testemunhas, o animal pastava em um terreno perto da casa, quando se assustou com cachorros e foi para o telhado.

  Os 10 alimentos industrializados com ingredientes mais bizarros

O último lugar na terra

morte6
Muitos turistas tiveram finais nada felizes na Disneylândia, a maioria sendo por desrespeito das normas de segurança do parque. Porém, esse não foi o caso de Luan Phi Dawson, de 33 anos, engenheiro de software de Washington, que estava visitando o parque com sua família na véspera de Natal, em 1998. Sua morte foi a primeira no parque causada por erro de um operador.

A família estava esperando a bordo do Columbia, uma réplica de um navio do século 18, para fazer um passeio conhecido por ser um dos mais tranquilos do parque. O operador do barco não conseguiu ancora-lo corretamente e um grampo de metal se soltou atingindo Dawson na cabeça, matando-o instantaneamente.
Os funcionários do parque foram criticados por limparem a cena antes de a polícia chegar, mas isso era inevitável, pois a polícia demorou mais de quatro horas para chegar lá. Por esse motivo foi instalado um posto policial no parque.

Mandíbula da morte

morte7
Em 2015, Xiang Liujuan, de 30 anos, estava subindo em uma escada rolante de um shopping em Jingzhou, China, com o filho nos braços. Porém, no topo da escada, ela pisou em uma placa de metal que não foi fixada corretamente. Xiang foi engolida pela engrenagem da escada e morreu, mas conseguiu entregar seu filho nas mãos de funcionárias do shopping onde aconteceu a fatalidade.

  O que já se sabe sobre Bruno Borges, o jovem desaparecido no Acre

Soterrado

morte8
A Índia tem bastante problemas com suas estradas, devido a temporada de monções. Em uma noite em 2015, alguns estavam consertando uma estrada bastante degradada em Nova Deli e não perceberam um detalhe crítico. Um lavrador chamado Latori Barman caiu em uma cratera bêbado e perdeu a consciência. Os trabalhadores e acabaram soterrando o trabalhador ainda vivo.

Gangue de macacos homicidas

morte9
Surinder Singh Bajwa, era vice-prefeito de Nova Delhi, norte da Índia, quando passou por uma situação engraçada e muito trágica. Ao final da tarde, ele estava em uma das sacadas de sua casa, quando a mesma foi invadida por macacos da espécie Macaca mulatta. Por algum motivo desconhecido, uma briga entre os animais e o homem se iniciou.
Em desvantagem numérica, o prefeito foi vencido e acabou caindo do balcão. No dia seguinte, devido aos ferimentos causados pela queda, o homem não resistiu e morreu.

Congelada viva II

morte10
Em 2010, Maria de Jesus Arroyo foi declarada morta no White Memorial Medical Center, em Los Angeles, EUA, depois de ter uma parada cardíaca. No entanto, a “falecida” de 80 anos ainda estava viva.
De acordo com documentos judiciais, ela foi encontrada em um saco (recipiente para corpos) virado para baixo. O saco estava meio aberto e seu rosto machucado. Ela tinha o nariz quebrado, inchaços e contusões.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com