Astrônomos podem ter encontrado a fonte das misteriosas Rajadas Rápidas de Rádio

0

As Rajadas Rápidas de Rádio (FRB, na sigla em inglês) são um dos grandes mistérios do universo que ainda não fomos capazes de reconhecer e intrigam muitos especialistas. Mas astrônomos podem ter conseguido pistas de suas origens a partir da FRB mais famosa que existe.

Os astrônomos começaram a estudar mais a fundo a FRB 121102, nome dado a essa rajada mais famosa, e concluíram que ela é originária de um produto considerado “extremo”, como a área em torno de um buraco negro.

A maior parte das Rajadas Rápidas de Rádio aparecem de forma temporária e randômica e ocorrem apenas uma única vez, o que dificulta o compreendimento desse fenômeno. Elas são muito poderosas e podem gerar uma energia equivalente a de 500 milhões de sóis

Só que a FRB 121102, descoberta em 2012, é uma exceção a essa regra. O motivo é que ela costuma ser constante. Por exemplo, em agosto de 2017, astrônomos encontraram 15 rajadas oriundas de FRB 121102. Isso permitiu que os pesquisadores localizassem a origem desses sinais.

A partir desse estudo, os astrônomos observaram os dados coletados por rádio telescópios e concluíram que a fonte das Rajadas Rápidas de Vento de FRB 121102 tem como fonte uma estrela de nêutrons.

Só que a questão é que uma estrela de nêutrons costuma ficar localizada em ambientes extremos e malucos – ou próxima de um buraco negro ou de uma nebulosa bem poderosa.

  Coreia do Norte acusa Trump de declarar guerra via Twitter; EUA negam

Outra razão disso é que o sinal de rádio possui um formato “retorcido”, o que só seria possível após a FRB passar por um campo magnético. E quando maior esse campo, maior é a torção.

“As únicas fontes de rajadas conhecidas em nossa galáxia que são retorcidas iguais a FRB 121102 são as do chamado Centro Galático, que é uma região dinâmica próxima de um buraco negro massivo. Talvez FRB 121102 seja originária de um ambiente semelhante de sua galáxia de origem”, disse Daniele Michilli, da Universidade de Amsterdã.

“No entanto, essa torção das rajadas de rádio também pode ser explicada se a fonte estiver localizada próxima de uma nebulosa ou uma supernova”, complementou Michilli.

Enquanto isso, ainda não é possível traçar uma panorama sobre as demais Rajadas Rápidas de Rádio, já que elas não costumam se repetir. FRB 121102 é a única deste tipo, o que faz dela uma exceção deste fenômeno.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com