Cientistas encontram planetas fora da Via Láctea pela 1ª vez na história

0

Pela primeira vez na história, astrofísicos conseguiram notar diversos planetas localizados em uma outra galáxia. Alguns são pequenos e possuem o tamanho da nossa Lua, enquanto que outros são imensos igual Júpiter e Saturno.

O feito é algo sem precedentes, pois já é difícil estudar exoplanetas que estão localizados dentro de nossa própria galáxia, a Via Láctea. Cientistas da Universidade de Oklahoma, nos EUA, são os reponsáveis pela descoberta e conseguiram realizá-la graças ao uso da teoria da Lente Gravitacional (distorção no tempo-espaço causada pela presença de um corpo de grande massa entre um objeto e o observador), prevista na Teoria da Relatividade de Albert Einstein.

Essa técnica é bastante utilizada para encontrar os exoplanetas dentro de nossa própria galáxia e é a única forma de encontrar planetas que são pequenos e/ou estão a mil anos aluz de distância, no mínimo.

Os responsáveis pelo estudo conseguiram identificar 53 exoplanetas além da Via Láctea utilizando esse método. Eles também conseguiram observar uma galáxia que está a 3,8 bilhões de anos luz de distância.

“Estamos muito animados com essa descoberta. Essa é a primeira vez que qualquer um descobriu planetas além de nossa galáxia”, afirmou Xinyu Dai, uma dos astronômos envolvidos nessa pesquisa.

O método da Lente Gravitacional, como você pode ter deduzido, não permite que os planetas descobertos sejam vistos diretamente. Mas o simples fato de serem detectados só mostra como a técnica funciona e revela as primeiras evidências de planetas que estão além de nossa galáxia.

Veja também:   Como seria se o Brasil tivesse uma bomba atômica?

“Essa galáxia está localizada a 3,8 bilhões de anos luz de distância, e não há a menor chance de observar esses planetas diretamente, nem mesmo com o melhor telescópio podemos imaginar esse cenário de ficção científica. No entanto, fomos capazes de estudá-los, revelar sua presença e até mesmo ter ideia de suas massas”, afirmou Eduardo Guerras, outro responsável pelo estudo.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com