Há 100 anos, era possível enviar crianças pelo correio nos EUA; entenda

0

Os voto por correio nas eleições dos EUA ainda estão causando polêmica, mas o serviço postal já foi usado de forma bem mais estranha no passado.

Há cerca de 100 anos atrás, o que é relativamente pouco tempo, era perfeitamente possível enviar uma criança pelo correio e fazer com que ela chegasse bem no destino definido. E como se não bastasse, o serviço era barato.

O serviço dos correios estadunidense foi criado em 1775, por Benjamin Franklin. Hoje, o USPS (United States Postal Service) se tornou uma grande empresa estatal e é muito usada pela população, especialmente nas áreas rurais, distantes dos grandes centros urbanos.

No passado, isso era ainda mais evidentes, como o envio de crianças mostra.

Por mais estranho que possa parecer, sabe-se de pelo menos 6 crianças enviadas pelo correio nos EUA. Isso começou em 1913, quando o correio começou a trabalhar com pacotes mais pesados.

No mesmo ano, James Beagle, de 8 meses, foi enviado pelos pais para a casa da avó. O envio custou 15 centavos, na época, o equivalente a 4 dólares hoje. Um seguro também foi feito.

O caso mais famoso foi o da menina Charlotte May Pierstorff, de 4 anos, enviada pelo correio ferroviário em uma viagem de 117 quilômetros no estado de Idaho.

Felizmente, ela viajou junto com um parente que trabalhava nos correios e não foi “empacotada”, como diziam as lendas urbanas da época.

Mil e uma utilidades

O voto pelos correios existe nos EUA desde 1988 e era pouco usado até as eleições deste ano.

Obviamente, foi a pandemia de covid-19 que fez com que o recurso batesse um recorde de utilização, o que causou uma grande confusão na hora da apuração dos votos.

Há quem esteja contestando a modalidade e pedindo seu fim para as próximas eleições.

Já o envio de crianças durou apenas alguns poucos anos.

Cerca de 10 anos após o aumento do peso dos pacotes manipulados pelo correio, que fez com que o envio de crianças começasse, o chefe do serviço postal dos EUA precisou dar uma entrevista coletiva anunciando que a prática seria proibida.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com