25 deliciosas curiosidades sobre o café

0

O café é a bebida mais consumida do mundo. Também é a mercadoria mais comercializada, ficando atrás apenas do petróleo bruto. Quem não gosta de tomar aquele famoso cafezinho da manhã ou do final de tarde? Claro que não todo mundo, mas uma boa parte das pessoas ama a famosa bebida escura. Você sabe qual foi o primeiro país a cultivar o café? E qual é o maior produtor? Sabia que o café foi proibido três vezes ao longo da história? Veja a essas e outras curiosidades sobre o café.

curiosidades sobre o café

Confira 25 deliciosas curiosidades sobre o café

 

A lenda do café
Segundo a lenda, o café foi descoberto no século IX, quando um pastor de cabras etíope chamado Khaldi notou que suas cabras, normalmente vagarosas, ficavam mais ativas depois de terem mordido os frutos vermelhos de uma árvore cuja folhagem ficava sempre verde. Khaldi levou as bagas para um homem sagrado muçulmano, que transformou a fruta crua do café em uma deliciosa bebida.
A expansão
Embora o café tenha sido descoberto na Etiópia por volta de 850 d.C., não foi reconhecido até que se espalhou para a cidade de Moca, no Iêmen, por volta de 1100 que se tornou firmemente estabelecida como uma bebida popular. De Moca (do qual o café Moca ou Mocha deriva seu nome), os grãos foram enviados para a ilha de Java, na Indonésia, Índia e, eventualmente, para a Europa em 1515. Em 1675, a Inglaterra tinha mais de 3.000 cafeterias.
Droga maravilhosa
O café era originalmente considerado uma droga maravilhosa no Iêmen e na Arábia e foi tomado apenas por conselho de um médico. Muitos viam o café como um tônico para o cérebro ou como uma forma de estimular visões religiosas.
Os primeiros cultivadores
Os árabes foram os primeiros a cultivar árvores de café na Península Arábica. Eles tipicamente torravam os grãos e depois ferviam, fazendo uma bebida chamada qahwa, que é o árabe para “o vinho do Islã”.
Diminuindo os riscos da depressão
Um estudo realizado em 2011 mostrou que as mulheres que bebem de duas a três xícaras de café “cafeinado” por dia foram 15% menos propensas a desenvolverem depressão em um período de 10 anos do que aquelas que tomam apenas uma xícara ou menos por semana.
A bebida mais popular
Mais de 500 bilhões de xícaras de café são consumidas a cada ano, tornando o café a bebida mais popular do mundo. É também a mercadoria mais negociada do mundo, depois do petróleo bruto.
Apenas 2 lugares
Os únicos lugares na América do Norte onde o café é cultivado é no Havaí e em Porto Rico.
A primeira cafeteria
A primeira cafeteria do mundo abriu em 1475 na antiga Constantinopla (atualmente, onde fica a cidade de Istambul).
Proibindo a bebida
Quando Khair Bey, governador de Meca, proibiu o café em 1511 porque temia que pudesse encorajar a resistência ao seu governo, o sultão o executou alegando que o café era realmente “abençoado”.
Expansão pela Europa
O café foi importado da Arábia para a Europa através de Veneza, em 1600. Enquanto alguns monges pediram ao Papa Clemente VIII que proibisse a bebida “muçulmana”, ele argumentou que era tão boa que seria um “pecado” deixar apenas os “pagãos beberem”. Sendo assim, o café começou a se espalhar por toda a Europa.
Primeira cafeteria na Inglaterra
Quando a primeira cafeteria abriu na Inglaterra em 1652, as mulheres foram proibidas de entrar, além de servir os homens.
Pai do café instantâneo
Um belga chamado George Washington inventou o café instantâneo em 1906, na Guatemala.
Redução de alguns problemas
Uma pesquisa mostrou que beber café pode diminuir o declínio cognitivo e os distúrbios neurodegenerativos.
Os 7 que geraram todos
Os árabes descobriram o café, mas ficaram com inveja da sua descoberta e recusaram-se a permitir que as sementes fecundas deixassem o seu país. No entanto, um peregrino muçulmano do século 17, Baba Budan, contrabandeou sete sementes da Arábia e as plantou na Índia. Diz-se que todo o café do mundo veio destas sete sementes.
Os maiores consumidores
Os norte-americanos são os principais consumidores mundiais de café. Eles consomem 450 milhões de xícaras de café por dia, ou mais de 150 bilhões de xícaras por ano.
Os cafeeiros principais
Existem duas espécies principais de cafeeiro utilizados para produzir o café comercialmente: 1) Café arábica, originário do Oriente Médio, e 2) Café robusta (originalmente “Coffea canephora”), originário do Congo. Arábicas produzem o café de melhor qualidade e são as mais cultivados (3/4 do café do mundo), enquanto os grãos robusta são mais duros, contêm de 40 a 50% mais cafeína e são usados em muitos cafés instantâneos.
Entrando no comércio
Os holandeses foram os primeiros europeus a entrarem no comércio do café. Eles importaram cafeeiros da Costa do Malabar, na Índia, para suas colônias nas então chamadas Índias Orientais Holandesas, ou na atual Indonésia.
Baixa produção por árvore
Embora os rendimentos variem de colheita a colheita, um único cafeeiro, geralmente, fornece o café em um ano apenas para encher um saco de meio-quilo de café moído.
O cafeeiro
Leva de 3 a 4 anos para um cafeeiro amadurecer. Uma vez que amadurece, cada árvore carregará de um a dois quilos de grãos de café durante o período de crescimento.
Café para os turcos
Os turcos chamam seus cafés de “escolas para sábios”.
Proibindo três vezes
O café foi proibido três vezes em três culturas diferentes: uma vez em Meca no século XVI, uma vez quando Charles II da Inglaterra proibiu a bebida na tentativa de acalmar uma revolução em curso e uma vez quando Frederico II (ou Frederico, o Grande) proibiu o café na Alemanha em 1677 porque estava preocupado que as pessoas estavam gastando muito dinheiro com a bebida.
Aeee Brasil!
Com mais de quatro bilhões de cafeeiros, o Brasil é o maior produtor mundial de café. De fato, o país produz hoje cerca de um terço do café mundial. Vietnã, Indonésia, Colômbia e Índia completam os cinco principais países produtores de café.
Os 70 cultivadores
Os cafeeiros são cultivados em mais de 70 países, principalmente na África, Sul da Ásia, Sudeste Asiático e América Latina.
Reduzindo o risco do câncer de próstata
Estudos mostram que homens que bebem seis ou mais xícaras de café diariamente diminuem seu risco de desenvolver câncer de próstata em 20%.
Boa dica para reduzir o risco de algumas doenças
Estudos mostram que beber café reduz o risco da doença de Alzheimer, Mal de Parkinson, doenças cardiovasculares, Diabetes Tipo 2, Cirrose e Gota.
Veja também:   Morcegos vampiros estão consumindo sangue humano no Brasil; entenda

 

FONTE



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com