Estudo aponta novo motivo para a extinção dos dinossauros: os ovos

1

Há muito tempo, nós acreditamos que os dinossauros foram extintos por conta do impacto de um asteroide no planeta milhões de anos atrás. Há também a teoria de que o impacto do corpo celeste causou diversas erupções vulcânicas que acabaram com a vida dos ancestrais de muitos animais. Mas um novo fator acaba de ser considerado, e tem relação com a reprodução.

Segundo um estudo publicado na revista Proceedings of the National Academies of Sciences, o fato dos ovos dos dinossauros levarem muito tempo para chocar pode ter contribuído para a extinção deles. Os pesquisadores estudaram dois embriões que estavam bem preservados – um Protocerátopo e um Hypacrossauro – e puderam concluir que tinham três e seis meses de idade, respectivamente, quando morreram.

Caso os tempos de incubação fossem os mesmos para a maior parte das espécies de dinossauro, isso traria altos riscos para a sobrevivência de bebês e adultos. Especialmente após o impacto do asteróide, que criou um ambiente pós-apocalíptico para a sobrevivência.

“Eu fiquei chocado. Como biólogo, compreender os períodos de incubação de um animal tem imensas implicações”, disse Gregory Erickson, biólogo da Universidade do Estado da Flórida e um dos líderes do estudo.

Ovos de pássaros se adaptaram

ovos pássaros

Os pássaros podem ser considerados um dos vários ancestrais dos dinossauros. Seus ovos possuem um desenvolvimento embrionário semelhante. A grande diferença é que o período de incubação é bem mais curto, cerca de 11 a 85 dias, dependendo da espécie.

Esta é uma estratégia que permite aumentar a sobrevivência do animal: quanto mais rápido ele sai do ovo, menores são as chances dele se tornar almoço de algum predador.

Some isso ao fato de que, após o impacto do asteróide, os dinossauros tiveram de enfrentar erupções vulcânicas devastadoras, mudanças climáticas rápidas e colapso ecológico súbito. Se nem os adultos conseguiram sobreviver, imagine embriões dentro dos ovos.

“Ter um período de incubação lento (de três a seis meses) teria exposto ovos a predação, secas e inundações por muito tempo. Se os pais estivessem tentando protegê-los, você pode imaginar que eles também teriam sido expostos por longos períodos de tempo”, garantiu Erickson.

Desperdiçadores de energia

dinossauro-escamas

O biólogo também lembra que outro fator que pode ter contribuído para a extinção dos dinossauros foi o fato deles serem verdadeiros desperdiçadores de energia em um planeta que ainda possuía poucos recursos.

“Com relação à sua história de vida e atributos fisiológicos, os dinossauros estavam basicamente segurando a mão de um morto. Eles eram desperdiçadores profícuos de energia, o que é ruim em um ambiente desprovido de recursos. Alguns de nossos trabalhos mostram que os dinossauros levaram mais de um ano para atingir a maturidade. Você adiciona os tempos de incubação muito lentos e esses atributos são juntos um grande azar”, concluiu.

Texto por Augusto Ikeda
Edição por Igor Miranda

Discussão1 Comentário

  1. Os passaros são descendentes e não ancestrais dos dinossauros! Ponto de vista interessante! Embora não descarte as outras teorias com certeza foi um fator contribuinte na extinção de algumas espécies!

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com