Grécia antiga: pesquisadores recriam máquina mais antiga já descoberta

0

A chamada máquina de Anticítera, da Grécia antiga, é tido por muitos como o primeiro computador da história. Algumas de suas peças foram encontradas no início do século XX, em um naufrágio no Mediterrâneo, e estavam bem desgastadas.

Agora, modelos digitais conseguiram fazer uma estimativa realista de como a máquina funcionava prevendo fenômenos astronômicos.

Datado da época do Império Romano, a máquina grega consistia em um grupo de engrenagens extremamente avançadas para a época, em um sistema complexo capaz de prever trânsitos de planetas.

Por muito tempo, ninguém soube exatamente para que servia a máquina de Anticítera, até que análises com raios X mostraram números gravados nas peças, correspondentes a trajetórias de astros.

Em um esforço de pesquisadores de várias áreas na University College of London, Reino Unido, os números gravados serviram como base para que fosse feito todo um trabalho de engenharia reversa, possibilitando entender como a máquina completa funcionava.

Os 82 pedaços de engrenagens recuperados correspondem a aproximadamente 1 terço do tamanho total do equipamento, criado na Grécia.

O modelo da máquina de Anticítera reconstruída só existe por enquanto de forma digital. Os cientistas pretendem construir uma réplica real, onde poderemos entender de fato quais eram os limites de conhecimento da época.

Os cálculos descobertos até agora estão certos, de acordo com métodos deixados pelo matemático Parmênides.

Engenharia do futuro

Construir uma réplica da máquina de Anticítera pode ser o primeiro passo para desvendar outros mistérios que ainda rondam a engenhoca, mesmo tanto tempo de estudo depois.

O avanço tecnológico dela em relação à época não é só muito maior do que se poderia esperar, chegando a beirar o impossível.

As engrenagens do mecanismo são semelhantes a de alguns relógios modernos e algumas peças se encaixam com precisão milimétrica, algo que seria impossível de ser feito até muitos séculos depois.

Não se sabe quem exatamente é o criador da máquina, mas ela acaba sendo um ponto fora da curva em relação a relatos e achados da Grécia antiga e daquela época em todo o mundo.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com