Homem pega infecção pulmonar por cheirar suas meias todo dia

0

Um homem na China tinha a estranha mania de cheirar suas próprias meias usadas no fim do dia. Ele só não esperava que o hábito bizarro iria provocar uma infecção pulmonar grave, que o levaria para o hospital. Os médicos esperam que depois desse susto ele repense a mania bizarra e aparentemente inofensiva, mas que lhe causou um enorme problema.

O chinês de 37 anos, identificado apenas como Peng, tinha um costume um tanto quanto inusitado. Todos os dias, ao voltar do trabalho, ele gostava de apreciar o cheiro de suas próprias meias usadas, uma mania que se por um lado é muito bizarra, por outro é absolutamente inofensiva, afinal, que mal isso poderia fazer? A resposta é diferente do que ele pensava.

Um dia, sem razão aparente, Peng deu entrada em um hospital de Zhangzhou, na província de Fujian, sentindo fortes dores e sensação de aperto no peito, além de uma tosse severa. Os médicos trataram o caso inicialmente como pneumonia, mas após a medicação não fazer efeito, novos exames foram realizados e os médicos descobriram então que Peng sofria com uma infecção nos pulmões causada por fungos.

Com a real causa do problema identificada, o homem recebeu tratamento adequado e se recupera bem. Os médicos o recomendaram a parar de cheirar suas meias, mas a situação estava complicada antes de eles descobrirem o que causou a infecção.

Algo não cheira bem

Quando a infecção pulmonar por fungos foi identificada pelos médicos, Peng foi questionado por eles sobre sua rotina diária e hábitos, em busca da causa do problema. Foi aí que ele confessou estar viciado em cheirar suas meias depois de usá-las por todo o dia de trabalho.

Veja também:   É verdade que Hitler tinha um avô judeu? Estudo indica que é possível

Os médicos afirmam que não podem cravar cientificamente que essa é de fato a origem do problema, mas dado o quadro da infecção, as meias de Peng são com certeza as principais suspeitas.

E engana-se quem pensa que se trata de um caso isolado. Quando a notícia saiu nos meios de comunicação da China, o Weibo, rede social mais usada por lá, foi inundada de comentários de pessoas preocupadas, pois possuíam o mesmo hábito bizarro de Peng.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com