Morcegos vampiros estão consumindo sangue humano no Brasil; entenda

0

Existem apenas 3 espécies de morcegos vampiros no mundo e uma delas vive no Brasil. Só que esses bichos geralmente se alimentam de sangue de outros animais. Ou não. Pesquisadores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) descobriram que agora o sangue humano está sendo o responsável por boa parte da dieta desses morcegos e ninguém sabe quem está sendo mordido com tanta frequência.

Foram analisados morcegos da espécie Diphylla ecaudata, mais precisamente de uma colônia deles que vive em um sistema de cavernas no Parque Nacional do Catimbau, em Pernambuco. Ao analisar as fezes, para entender como estava a dieta dos morcegos, os cientistas se surpreenderam com o fato de que eles estavam bebendo muito sangue humano, ao contrário do que se acreditava.

Segundo os biólogos e pesquisadores do local, isso acontece devido a alterações no ecossistema da região, que é dominada pela caatinga. Embora o parque onde as cavernas se encontram seja uma área de preservação, o entorno da região sofre grande ação humana e a novidade no cardápio dos morcegos vampiros pode vir daí.

No entanto, é estranho observar a quantidade de sangue humano que esses animais andam consumindo, já que os registros de mordidas de morcego não têm aumentado tanto assim na região. Eles são, inclusive, os principais transmissores de raiva através de mordidas, logo, um grande aumento repentino teria sido notado por moradores e autoridades sanitárias.

Morcegos “sangue bom”

Mesmo assim, ainda não há motivo para ter medo dos morcegos. O biólogo Enrico Bernard, da UFPE, explica que eles são bons prestadores de serviço, por incrível que pareça. “Tem toda uma série de serviços ambientais que eles prestam que são fundamentais, como o controle de populações de insetos, dispersão de sementes, polinização de plantas… A gente deve muito aos morcegos por esses serviços que eles fazem gratuitamente”, disse.

Veja também:   Canhotos são mais talentosos do que destros? A ciência explica

Morcegos são animais extremamente interessantes do ponto de vista evolucionário. São os únicos mamíferos capazes de voar e possuem, ao todo, sete sentidos. Além dos cinco que compartilham conosco, possuem o localizador sonar, que os ajuda a se orientar no espaço, e também um sensor de calor que permite que localizem facilmente vasos sanguíneos de onde podem sugar seu alimento.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com