Caixas misteriosas que apareceram no nordeste podem ser perigosas para animais

0

Caixas misteriosas que contém látex começaram a aparecer no litoral do nordeste nos últimos dias. De acordo com autoridades, elas podem ser tóxicos para diversos animais marinhos. As informações são do portal ‘G1’.

De acordo com José Bertotti, secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, essa caixas são perigosas para os animais por que elas podem ser confundidas com alimento. Além disso, lembrou que o processo de beneficiamento do látex envolve metais pesados.

“Esse material é tóxico para tubarões e tartarugas, por exemplo, porque, em alto-mar, é confundido com alimento. Ele é tóxico para quem vai ingerir, porque quando você faz o processo de beneficiamento do látex, alguns metais pesados são utilizados. Quem ingerir, obviamente, vai se contaminar”, disse, em entrevista para o G1.

A primeira caixa apareceu no dia 23 de junho em Itamaracá, na Grande Recife. Alguns dias mais tarde, outra apareceu em Ipojuca, no sul do estado. Vale lembrar que em 2018, o município já havia encontrado outras 14 caixas semelhantes.

De acordo com pesquisadores da Universidade Federal do Ceará (UFC), essas caixas misteriosas são provenientes de um navio alemão que afundou na costa do nordeste em nos primeiros dias 1944, mas que só foi descoberto em 1996.

Apesar do risco para animais marinhos, a Polícia Federal informou que essas caixas não oferecerem risco à população e podem ser até mesmo recicladas.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com