O que acontece quando um astronauta morre no espaço?

0

Em toda a história da exploração espacial, 14 astronautas já morreram durante alguma missão, todos eles em grupo. Mas qual será o procedimento se apenas um astronauta morrer no espaço? Ao contrário do que possa parecer, nem tudo está sob controle lá em cima.

Veja também:   Astronauta esquece cartão de memória da câmera em saída ao espaço

Pode parecer absurdo, mas a Nasa não possui nenhum tipo de convenção ou protocolo a ser seguido para o caso de um astronauta morrer em missão. Caso isso venha a acontecer, a agência espacial dos Estados Unidos assume que o problema seria resolvido na base do improviso, com decisões tomadas na hora entre a equipe de astronautas e profissionais na Terra.

Uma das justificativas da Nasa para não se preocupar com isso é o fato de que as missões atuais levam os astronautas até pouco além da órbita terrestre, facilitando qualquer procedimento que venha a ser adotado na hora. Mas com uma viagem para Marte cada vez mais próxima de acontecer, isso certamente se tornaria um problema.

O ex-astronauta canadense Chris Hadfield sugere uma solução similar a que é usada em situações do tipo em submarinos. Se estão submersos e um dos tripulantes morre, o corpo é colocado junto aos torpedos, para ficar no local mais frio possível e também isolado do resto da tripulação até que seja possível retornar para a base.

Hadfield propõe que o cadáver seja mantido dentro de seu traje espacial e isolado na área mais fria da nave ou estação, até que alguém decida efetivamente o que fazer.

Cinzas geladas

Outra alternativa no caso de longas missões seria a cremação a frio, proposta inventada pela empresa sueca Promessa. O método consiste em tratar o corpo com nitrogênio líquido, dentro de um saco plástico próprio para isso. Depois de congelado, o cadáver seria então desintegrado através de intensa vibração, formando um pó que seria guardado em uma urna funerária, de modo parecido com cinzas de cremação.

A ideia parece fazer sentido e há quem argumente que o nitrogênio líquido nem seria necessário, já que o mesmo efeito pode ser conseguido colocando o corpo no lado externo da nave, exposto ao vácuo do espaço.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com