O que aconteceria com o nosso planeta se a Lua desaparecesse?

3

Desde que a Terra existe, a Lua tem desempenhado um papel extremamente importante em nossa planeta, sem falar na sua influência em nossa cultura, língua e pensamento. Mas e se a Lua desaparecesse, como num passe de mágica, o que aconteceria com nosso planeta?

Basicamente, haveriam 3 grandes mudanças no planeta Terra. Confira quais são:

Marés

maré-lua

A gravidade é bastante simples: quanto mais próximo um objeto estiver de outro objeto, mais forte será a força gravitacional. Sendo assim, o que está mais próximo da Lua, recebe um puxão gravitacional mais forte do que o que está mais distante dela. Se olharmos para os efeitos da Lua sobre a Terra, podemos resumi-los essencialmente em três partes: A própria Terra, o oceano perto da Lua e o oceano longe da Lua.

Quando o oceano está mais próximo da Lua, ele recebe um puxão gravitacional extra, isso faz com que sua maré suba ligeiramente. E como o oceano é extremamente grande, todo a massa de água de um lado é empurrada para cima do outro lado, resultando num aumento dos bojos de maré.

Mas o que tem do outro lado? Um monte de rochas sólidas que chamamos de terra. Se olharmos pela perspectiva de alguém que esteja de pé na terra, parece que o mar está subindo.

Caso a Lua desaparecesse, a Terra não ficaria totalmente sem marés, pois o Sol também exerce uma certa influência sobre as marés em nosso planeta. Entretanto, a influência da Lua é bastante superior, pois sua massa, embora, seja muito menor que a do Sol, essa diferença é compensada pela distância menor entre a Lua e a Terra.

Duração do dia

duração-dia-menor

A Terra giraia sobre seu eixo mais rápido do que ela gira hoje. Após o hipotético gigantesco impacto que levou à formação da Lua, o dia na Terra duraria 6 horas.

Como bem sabemos, a Lua gira em torno da Terra, e suas fases influenciam as marés, mas a Terra também está girando em seu eixo. Esse giro arrasta fisicamente os bojos de maré ao redor do planeta. Assim, em vez das marés aparecerem diretamente abaixo da Lua, elas estão um pouco à frente dela, orbitalmente falando.

Nisso, você tem uma grande massa de água extra num lugar onde não deveria ter. Como a gravidade é uma via de mão dupla, essa massa também acaba puxando de pouco a pouco a Lua, o que resulta em órbitas cada vez maiores. Que por fim deixa os dias mais curtos.

A Lua está lentamente ficando mais longe da Terra. E essa energia para acelerar a Lua tem que vir de algum lugar, e esse lugar é a própria Terra: dia a dia, milênio a milênio, a Terra está girando cada vez mais devagar, convertendo sua energia rotacional em energia orbital da Lua.

Mesmo se a Lua desaparecesse, esse processo não iria se inverter, mas também não iria continuar do mesmo jeito que está.

Estações do ano

estação-ano-lua

O eixo da Terra é inclinado, e esta inclinação pode mudar com o tempo. Até aí, nada demais, já que todos os outros planetas também são assim. Mas o que pode acontecer é uma mudança “repentina” na inclinação do eixo. Isso poderia deixar a Antártica apontada diretamente para o sol durante 24 horas por dia, mergulhando os outros continentes em uma escuridão permanente.

Mas existem controvérsias. Alguns pesquisadores dizem que a Lua pode realmente estar prejudicando a Terra à longo prazo, já que como dito anteriormente, ela está desacelerando a velocidade de rotação da Terra, o que nos a torna mais suscetível às influencias de planetas exteriores. O que poderia, basicamente, resultar no esmagamento da Terra.

Mas de qualquer maneira, isso só seria um problema para daqui a bilhões de anos, caso a Lua desaparecesse hoje. E mesmo ela desaparecendo, as estações da Terra ainda seriam sazonais, só que por períodos bem mais longos do que os atuais.



fonte: livescience

Discussão3 Comentários

    • Provavelmente, a humanidade toda morreria, o planeta ficaria com temperaturas negativas, que seriam incompatíveis com a vida dos seres vivos, alem que que os seres vivos necessitam de luz solar.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com