Outros universos podem ter existido antes do nosso, afirmam cientistas

0

Enquanto alguns perguntam se estamos sozinhos no universo, outros indagam se existem outros universos. Não sabemos se existem, mas cientistas encontraram evidências de que outros universos possam ter existido antes do nosso, o que faria com que o big bang não fosse o início de tudo, mas apenas o nosso início.

Segundo um estudo da Universidade de Oxford, no Reino Unido, alguns elementos presentes no universo atual, como buracos negros, por exemplo, podem ser o que restou de universos anteriores ao nosso. Esse estudo toma como base a teoria conhecida como cosmologia cíclica conformada, ou CCC.

Segundo essa teoria, existiriam uma sucessão de “big bangs”, onde um universo é completamente destruído e outro novo se forma em seu lugar, no entanto, alguns raros elementos como radiação poderiam sobreviver a esse ciclo, passando de um universo para o próximo.

As principais evidências dos universos anteriores estariam nos chamados pontos de Hawking, nomeados em homenagem ao astrofísico Stephen Hawking, recém-falecido. Eles consistem em pontos de radiação expelida por buracos negros e sua origem pode ser traçada até praticamente o big bang.

Para os cientistas de Oxford, os pontos de Hawking representam radiação vinda de antes do big bang, possivelmente de outro universo. “O que afirmamos que estamos vendo é o remanescente final depois que um buraco negro se evaporou no éon anterior”, resume o físico e matemático Roger Penrose, um dos autores do estudo e cocriador da teoria CCC.

Veja também:   Cidade no oriente médio pode ter sido destruída por explosão cósmica

Há controvérsias

Acontece que a teoria TCC, que serve de base para esse estudo, possui algumas falhas que já foram apontadas por outros especialistas. A principal delas diz respeito a outras evidências de que o universo atualmente estaria se expandindo, o que tornaria improvável que um dia ele passe a encolher até recuar ao estado anterior ao big bang para então se expandir de novo, no que os teóricos chamam de “big bounce”.

Outro fato que complica a teoria é que os pontos de Hawking por enquanto são apenas hipotéticos e baseados em modelos matemáticos, não tendo ainda sido descobertos de fato. Isso por si só, coloca todo o estudo da Universidade de Oxford em cheque.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com