Pitbull é perigoso? Conheça a origem dessa popular raça de cão

0

Muita gente considera o cão pitbull perigoso, violento e incontrolável, mas será que isso é verdade? A genética deles certamente depõe contra, mas existem inúmeras variáveis que podem influenciar o comportamento dos cães, incluindo o tipo de criação que eles tiveram. Os pitbull são, de qualquer forma, animais muito fortes, “programados” para brigar.

A história da raça começa com os buldogues ingleses do século XVIII, muito usados em espetáculos onde lutavam com touros, daí o nome “bull dog”. Quando essas atividades foram proibidas, as pessoas começaram a apostar em rinhas apenas de cães e aí começaram alguns dos cruzamentos de raças que dariam origem ao pitbull moderno.

A ideia era ter um cachorro musculoso, de mordida potente, que não solta a presa com facilidade e que aguenta sentir dor. Várias raças foram colocadas na “mistura”, com destaque para cães do tipo terrier, que deram origem aos bull terriers, ancestrais diretos dos pitbull e também considerados cães perigosos.

No entanto, a periculosidade do pitbull não é causada apenas pela genética, embora ela tenha grande parte nisso. Acontece que os donos geralmente se aproveitam dessa genética e já criam o cão com agressividade, geralmente para guarda, isso quando não lutam diretamente em rinhas, algo que ainda acontece, infelizmente.

De qualquer forma, se a intenção é ter só um cão de companhia, talvez a melhor opção seja um shih-tzu, ou um labrador, caso goste de cães cheios de energia.

Estatística

Além da genética, outra coisa que colabora para a fama de que o pitbull é perigoso são as estatísticas. Cerca de 50 mordidas de pitbull são registradas no Brasil todos os anos, o que não é muito, se pensarmos em todos os outros cães que mordem alguém.

Veja também:   Quais problemas de saúde o vazamento de óleo no Nordeste pode causar

O problema é o tamanho do estrago. Ao lado dos rottweilers e dobermanns, eles são os que mais matam ou causam ferimentos graves.

A raça foi introduzida no Brasil em 1988 e desde então, se fala em proibição. Pitbull são proibidos desde 1991 na Inglaterra, na França, na Dinamarca, na Holanda, na Noruega, na Bélgica, em Porto Rico e em cidades dos Estados Unidos e Canadá.

No Brasil, o estado do Rio de Janeiro tem diversas restrições em relação a raça. Os cães devem ser obrigatoriamente castrados e não podem circular em áreas muito frequentadas, como as praias.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com