Qual é a forma mais rápida de perder peso, segundo a ciência

0

Neste início de ano, muita gente está aproveitando a época para perder os quilinhos que pode ter ganho durante as festas de final de ano. E nessa hora, todos sabemos do mantra de fechar a boca e fazer exercícios para melhorar nosso peso. Mas será que realmente faz tanta diferença assim manter os dois juntos?

Philip Stanforth, professor de ciência do exercício da Universidade do Texas, explicou o que costuma fazer mais diferença na hora de querer eliminar uns quilinhos extras. E por incrível que pareça, é mais vantajoso dar ênfase para uma dieta do que ir três vezes por semana na academia.

“Estudos costumam mostrar que em termos de perda de peso, a dieta possui um papel muito mais importante do que exercícios”, disse Stanforth.

O motivo disso é os exercícios pedem tempo e esforços e demoram mais para mostrar resultados. E nem queimam tantas calorias assim, como muitas pessoas pensam.

Além disso, de acordo com o especialista, basta apenas cortar alimentos ricos em açucares, gorduras e muitas calorias para vermos algumas mudanças em nossa cintura em questão de semanas. E para isso, faz uma comparação interessante:

“Você precisa andar 56 quilômetros para queimar 3,5 mil calorias. Isso é andar demais. Mas se você observar a alimentação, uma barra de Snickers (famosa barra de chocolate recheada com manteiga de amendoim) pode ter perto de 500 calorias (na realidade, possui pouco mais de 200). É muito mais fácil cortar uma barra de Snickers do que andar 8 km todos os dias”, disse Stanforth.

  Genética da imortalidade: é possível viver para sempre

E essa não é apenas a opinião do especialista. Um compilado de 20 estudos sobre o tema, divulgado em 2014, mostrou que dietas com alta concentração de proteína e que substituem refeições leves pelas pesadas possuem resultados melhores, se comparados com os exercícios.

Já um compilado de estudos semelhante, feito em 2011, tentou observar a relação entre a gordura corporal e atividades físicas em crianças. E concluiu que ser ativo não é um fator tão chave assim para ajudar crianças que estão acima do peso.

Mas, claro, isso não significa que você não precisa parar de pagar sua academia a partir de agora. Por exemplos, muitas pesquisas sugerem que o exercício é uma boa forma de ajudar a manter uma dieta.

Isso sem contar seus outros benefícios, como melhorar nosso humor, proteger nosso corpo dos efeitos do envelhecimento e ajuda a nos proteger dos sintomas do estresse, depressão e ansiedade. E fortelecer os músculos significa que seu corpo precisará gastar mais calorias durante o dia.

Em outras palavras: quer perder peso em 2018? Faça uma dieta. Quer algo para ajudar a mantê-la? Faça exercícios.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com