A triste história da jovem que tem alergia à água e não pode nem chorar

0

A youtuber Niah Selway tem uma doença bastante rara e inusitada: ela é alérgica a água. Recentemente, ela compartilhou suas dificuldades de vida, já que não pode suar, chorar ou até tomar banho sem sofrer com terríveis reações alérgicas.

O nome oficial da condição é urticária aquagênica e prurido aquagênico, que faz com que a pele da jovem se sensibilize por horas após entrar em contato com a água. Aos 21 anos, ela revela que a ardência das reações já chegou a ser tão severa, que ela chegou desmaiar de tanta dor.

Ela não tem, nem mesmo, o direito de chorar. Suas lágrimas causam uma terrível reação alérgica que causa muita dor. No entanto, os órgãos internos da garota não sofrem com a condição, ou seja, ela consegue beber água para sobreviver!

“Não importa onde a água me toca, se apenas uma gota d’água tocar no meu braço, a dor irá se espalhar para as minhas costas e pelo meu troco, às vezes até pelo meu corpo todo”, desabafou a jovem.

“Após tomar um banho, o meu corpo arde por várias horas. Com o passar dos anos, eu encontrei uma rotina, mas mesmo assim ainda é muito doloroso e eu ainda preciso encontrar maneiras de deixar a experiência menos traumática”, contou Niah. “Por exemplo, eu não lavo mais o meu cabelo no banho, ela lavo separadamente para sentir menos dor”.

“Há muitas coisas que as pessoas não levam em consideração, como suar ou lágrimas. Às vezes eu tenho uma reação alérgica no meu corpo e vou chorar por causa da dor, mas então tenho uma nova reação no meu rosto também”, contou Niah.

Veja também:   O idioma mais difícil do mundo é falado no Brasil; conheça

A jovem tem mais de 130 mil seguidores em seu canal no YouTube e revela também que morre de medo de sair de casa por causa da severas reações alérgicas que enfrenta. Por causa da condição, ela precisou pedir demissão do trabalho. “É basicamente uma deficiência porque tem várias coisas que eu não posso fazer. A primeira coisa que eu faço ao acordar é ter uma reação alérgica”.

A jovem tem até medo da chuva: “É raro eu sair de casa porque tenho medo da chuva. Estou na minha bolha tentando lidar com a dor, e eu faço tudo o que passo para evitá-la”, contou.

Os primeiros sintomas da doença surgiram quando ela tinha apenas 5 anos de idade, mas eles só pioraram com o tempo. “Inicialmente as reações aconteciam após dez banhos. Os médicos não pareciam preocupados, então eu pensei que o problema era comigo, que eu não sabia lidar com a dor”.

A situação piorou na adolescência: “A dor passou a ser em todos os banhos, chegou num ponto onde eu não conseguia mais ignorar”. A memória mais preciosa para a influenciadora digital? Quando ela fez um mergulho em 2013, algo que ela já não pode mais fazer: “Muitos dos meus planos tinham relação com a água, como nadar com tubarões”.

“Eu ganhei a habilidade te apreciar as pequenas coisas da vida e não focar no futuro. Tenho tempo apenas para energias positivas e para as pessoas que eu amo”, contou a jovem. A youtuber aceitou as limitações da condição, mas diz que recebe ajuda dos pais e também do namorado, Mark.”“A minha família é incrível, até nas pequenas coisas, como lavar a louça”.

Veja também:   1 milhão de espécies estão ameaçadas de extinção graças aos humanos

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com