Bebê acorda de coma antes de ter aparelhos desligados pelos médicos

0

Um caso de amor e superação está emocionando muitos franceses. Marwa, uma bebê com apenas 1 ano de vida, estava internada desde setembro deste ano em um hospital na cidade de Marselha. Ela se encontrava em coma, sem sinais de recuperação. Mas antes que os médicos optassem por desligar os aparelhos que a mantinham viva, a menina acordou.

Marwa estava com um vírus que gera danos cerebrais, o que fez com que ela ficasse no estado de coma. Como os tratamentos não estavam surtindo efeito, os médicos conversaram com os pais da menina sobre desligar os aparelhos que a mantinham viva. Eles foram contra, criaram uma campanha no Facebook para arrecadar dinheiro e foram até a justiça francesa para ter a garantia de que os equipamentos permaneceriam ligados.

A campanha feita pelos pais deu certo. Eles conseguiram mais de 100 mil assinaturas e a justiça francesa lhes garantiu o direito de que os aparelhos que mantinham a filha viva não fossem desligados. Ainda assim, muitos médicos continuaram a insistir no desligamento dos equipamentos, pois a menina não conseguiria realizar simples ações, como comer e andar, sem a ajuda de alguém.

Eis que dez dias depois da decisão da corte francesa, os pais de Marwa tiveram um motivo para sorrir: a menina acordou do coma. Ela sorriu para eles e reagiu ao seus estímulos. O pai lembra que a filha ainda tem uma longa batalha pela frente, mas se mostrou contente com o progresso: “O tratamento dela continua e nós vemos um progresso diário. Isso nos dá muita esperança. Quando eu falo com ela, ela ouve minha voz, reage, algumas vezes sorri”.

  Fio dental tem baixa eficácia para a saúde bucal, afirma pesquisa

O pai de Marwa publicou, em um perfil dedicado a ela no Facebook, o momento em que a bebê acorda do coma. Assista no player abaixo:

Texto por Augusto Ikeda, edição por Igor Miranda

Deixe um Comentário