Rothschild: saiba quem é a família mais rica do mundo

0

Quem pensa que a família mais rica do mundo pode ser encontrada frequentemente na mídia e nas colunas sociais, se engana. Os Rothschild são famosos, entre outras coisas, pela discrição.

Eles são uma verdadeira dinastia de bilionários, com origens ainda no século XVIII, sempre lidando com o dinheiro dos outros para enriquecer a si mesmos. Por vezes, de forma não muito ética, é verdade.

O clã é descendente de Mayer Amschel Rothschild, um alemão de origem judia, nascido na cidade de Frankfurt. Ele teria assumido os negócios da família após a morte do pai e prosperaria devido a uma amizade poderosa: Guilherme I de Hesse-Cassel, um dos homens mais poderosos do então Sacro Império Romano-Germânico.

Mayer negociava moedas antigas com Guilherme I, e quando esse assumiu o comando de sua região no império, contratou o amigo para cuidar de suas finanças, iniciando a escalada dos Rothschild para se tornarem a família mais rica do mundo.

Seu trabalho envolvia todas as finanças do território governado por Guilherme I, incluindo aí empréstimos para outros nobres, uma atividade bastante rentável.

O trabalho tornou Mayer Rothschild muito rico e ele tratou de manter o dinheiro dentro da família. Enviou 4 de seus filhos para cada local estratégico da Europa: Londres, Paris, Nápoles e Viena, com o quinto filho o auxiliando em Frankfurt.

A ordem era para que se tornassem indispensáveis financeiramente para os governos locais, assim como ele era na Alemanha.

Teorias conspiratórias

Com o passar dos anos, os Rothschild se tornaram personagens de inúmeras teorias conspiratórias, desde as mais absurdas, que acusam a família de ser um grupo de alienígenas reptilianos, até algumas verdadeiras, como o fato de terem financiado guerras inteiras para levar vantagem financeira, incluindo a Revolução Francesa.

Veja também:   Google Earth 'encontra' homem desaparecido há 22 anos no fundo de um lago

Também é verdade que se casam entre si, com primos de segundo e terceiro grau, com o objetivo de manter a fortuna, que é estimada em mais de 1 trilhão de dólares, dentro da família. Raramente aparecem na mídia e hoje se dedicam a outros negócios além das finanças, indo do mercado imobiliário à produção de vinhos.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com