10 teorias de conspiração loucas envolvendo o coronavírus

0

O coronavírus já mudou a vida de quase todo o planeta e alguns de seus efeitos devem permanecer em nossas vidas para sempre. Desde que o patógeno surgiu no final de 2019, diversas teorias de conspiração foram formuladas na internet e se disseminaram entre os conspiracionistas de plantão.

A mais famosa delas diz que o coronavírus foi criado em laboratório para que a China se beneficiasse economicamente disso, mas existem várias outras que ganharam força nos últimos dias e podem ser consideradas bem malucas e absurdas.

Assim, confira abaixo 10 teorias de conspiração loucas envolvendo o coronavírus. As informações são do site Listverse.

10) Governo americano

Um canal de notícias da Rússia afirmou que o coronavírus foi criado pelo governo americano para prejudicar a economia chinesa. A ideia também era forçar a China comprar vacinas desenvolvidas nos Estados Unidos. Vale lembrar que o presidente americano, Donald Trump, trava uma batalha comercial com os chineses.

O apresentador desse canal fez a afirmação ao lembrar que corona significa coroa em russo e latim, e que Trump ficou conhecido por promover concursos de beleza, sendo o responsável por coroar a vencedora.

9) Bill Gates

Em outubro de 2019, a fundação que Bill Gates criou ao lado da esposa, chamada Bill & Melinda Gates Foundation, ajudou o Fórum Econômico Mundial e o Centro John Hopkins de Segurança da Saúde a entender se estamos preparados para lidar com uma pandemia.

Dois meses mais tarde, o coronavírus surgiu.

Pronto: isso se tornou um prato cheio para os conspiracionistas afirmarem que Bill Gates e as duas organizações podem ter planejado a pandemia. Em um episódio de uma série da Netflix, o dono da Microsoft também já havia previsto que algo semelhante ocorreria em breve, o que ajudou a reforçar essa teoria.

8) Internet 5G

As teorias de conspiração não pouparam nem mesmo a internet 5G. O motivo é que Wuhan, cidade em que pandemia teve início, foi uma das primeiras da China a ter 5G.

Por conta disso, já surgiu uma teoria que afirma que a radiação emitidas pelas ondas da internet 5G causou a mutação no novo coronavírus que fez ele afetar nós, seres humanos.

7) Governo chinês

Outra teoria envolvendo o governo chinês diz que as autoridades locais criaram o novo coronavírus como parte de uma programa de desenvolvimento de armas biológicas e que o patógeno vazou de um dos laboratórios, causando a epidemia.

O motivo apontado pelos conspiracionistas é que o único laboratório chinês capaz de criar uma arma biológica fica justamente em Wuhan. Tanto que após a então epidemia começar, Xi Jinping, presidente da China, disse que a segurança de laboratórios era uma questão nacional.

6) Governo canadense

Até o governo do Canadá já foi responsabilizado pela pandemia graças aos conspiracionistas.

Essa teoria diz que dois espiões chineses roubaram o coronavírus de um laboratório canadense chefiado pelo governo local e o enviaram para Wuhan. Mais tarde, o patógeno fugiu de lá, causando a epidemia.

A teoria ainda afirma que esses espiões se tratam de dois empregados desse laboratório canadense, que foram demitidos em 2019 por roubarem alguns exemplares de vírus e enviá-los à China. A justificativa oficial envolve questões administrativas.

5) Explosão de meteorito

Em 11 de outubro de 2019, um meteorito rasgou os céus da região nordeste da China. Sua luz era tão forte que fez a noite parece dia por um momento.

Esse foi um prato cheio para alguns conspiracionistas afirmarem que o novo coronavírus veio do espaço.

No entanto, essa teoria é bem absurda, já que cientistas lembraram que esse meteorito se deteriorou antes de tocar o chão, e mesmo se isso tivesse acontecido, nenhum vírus teria sobrevivido ao calor gerado pelo pouso. Sem contar o fato de o patógeno ser bem semelhante a outros tipos de coronavírus existentes no planeta.

4) Wang Mengyun

Existem especulações de que o novo coronavírus surgiu a partir de morcegos. Por conta disso, uma blogueira chinesa chamada Wang Mengyun logo foi acusada de espalhar o patógeno por algumas pessoas.

O motivo? Ela divulgou um vídeo em que comia um morcego há algum tempo. Isso fez muitas pessoas a acusarem de ter espalhado o vírus para outras pessoas e ter iniciado a pandemia.

Mengyun foi forçada a se desculpar pelo governo chinês. Em sua defesa, disse que o vídeo foi gravado em 2016 no arquipélago de Palau.

3) HIV

Pesquisadores indianos afirmaram que o coronavírus tem algumas semelhanças com o HIV, que causa a Aids.

Foi o suficiente para eles levantarem a hipótese de que alguém modificou o HIV para se transformar no novo coronavírus. No entanto, como o nome dos pesquisadores não foi mencionado, essa ideia logo caiu em descrédito.

2) Cerveja Corona

A cerveja Corona é uma das mais conhecidas do mercado e sabemos que ela não tem nada a ver com o vírus. No entanto, isso não impediu muita gente de associar a bebida com o coronavírus.

Desde que o patógeno começou a ganhar relevância, o Google afirmou que notou um aumento considerável na pesquisa de termos como “corona beer virus” (“vírus da cerveja corona”) e “beer coronavírus” (“cerveja coronavírus”).

Apesar desse problema, a marca afirmou que viu suas vendas aumentarem 5% desde o início da pandemia. Bem diferente do que aconteceu com uma bala chamada Ayds, que viu suas vendas caírem 50% após muitas pessoas a associarem com a Aids.

1) Samuel Hyde

Entre as várias teorias que surgiram, sobrou até mesmo para o ator e comediante Samuel Hyde, famoso por pegadinhas na internet. Muitos o acusam de ter iniciado a pandemia, tudo graças a uma piada que se tornou conhecida nos Estados Unidos.

Por conta do seu estilo de humor, considerado agressivo, que não diferencia seus personagens dele mesmo e que satiriza as próprias teorias de conspiração, Hyde é constantemente acusado de iniciar os famosos tiroteios que ocorrem nos Estados Unidos. Por consequência, muita gente também o acusou de dar início à pandemia do coronavírus.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com