7 motivos bizarros que levam as pessoas ao pronto-socorro

0

Algumas séries de TV, como ER e Nurse Jackie, bem como diversos filmes, já retrataram na ficção como que o pronto-socorro de um hospital pode ser uma verdadeira loucura. Mas, na realidade, os prontos-socorros da vida real costumam atender casos mais tranquilos (claro, isso não é uma regra), e algumas vezes, até mesmo estranhos e bizarros.

Confira abaixo sete motivos bizarros que fazem as pessoas pararem em um pronto-socorro:

1) Lesões por causa de cadeiras de praia

happy couple enjoy sunset on the beach

Um gráfico divulgado pelo site FlowingData, feito em 2014, mostrou a variedade de lesões que levam as pessoas para os prontos-socorros. E uma das principais delas tem relação com um momento de diversão que muitos adoram: cadeiras de praia. As emergências dos hospitais dos Estados Unidos registraram 1,231 acidentes deste tipo, apenas no mês de junho de 2014.

2) Irritações de pele são confundidas com algo mais sério

lesõesirritaçãopele

Ter qualquer tipo de reação em sua pele é um motivo de preocupação. Mas saiba que você não precisa fazer um diagnóstico por si próprio e acreditar que está com alguma doença mais séria, não antes de você consultar a opinião de um médico.

Um médico, no fórum Reddit, disse o seguinte. “Tenho pacientes que desenvolvem uma irritação, olham na internet e chegam desesperados, acreditando que possuem a Síndrome de Stevens-Johnson”. Só que ao fazer os exames, os pacientes descobrem que um diagnóstico muito comum é “dermatite por contato com sabão de limpeza”.

  10 dos mapas mais bonitos já feitos ao longo da História

Mas fique esperto: apesar da Síndrome de Stevens-Johnson ser muito rara, você deve visitar um médico imediatamente, se tiver uma irritação após tomar um novo medicamento.

Mas ela for causada pela dermatite de contato, não há razão para pânico, pois ela não costuma ser séria, e muitas vezes, some com o tempo. Na realidade, de acordo com a Academia Americana de Dermatologia, “qualquer pessoa desenvolve esse tipo de eczema (o outro nome da dermatite), pelo menos uma vez na vida. Ela ocorre quando algo que toca nossa pele provoca a irritação. Algumas aparecem imediatamente, enquanto que outras levam um tempo”. Alvejantes, água sanitária e luvas de borracha são os itens que mais costumam causar irritações de pele.

3) Cotonetes

lesõescotonetes

Objetos estranhos é uma causa muito comum de visitas ao pronto-socorro, em especial cotonetes. E um usuário do Reddit nos lembrou de algo que sempre esquecemos: “a cera de ouvido não é sua inimiga. Ela protege os ouvidos, por ter propriedades antibacteriais e antifungais, e também é um absorvente. Não passa uma semana sem que alguém apareça no hospital com sangramento no ouvido por conta de cotonetes, ou com o tímpano perfurado por algum objeto estranho.”

Portanto, às vezes, é melhor parar de utilizar cotonetes e deixar a cera de ouvido intacta.

  Mordida de carrapato pode te deixar alérgico a carne

4) Anzóis de pesca

Fishing for Salmon in Alaska

Se você gosta de uma pescaria no final de semana ou feriados, tome cuidado para não fisgar algum amigo, parente ou você mesmo com o anzol da sua vara de pescar. De acordo com uma organização médica dos Estados Unidos, anzóis são tão perigosos quanto farpas, lascas e vidro, por exemplo.

“A maior parte das lesões causadas por anzóis ocorrem nas mãos, face, escalpo (o nome científico do couro cabeludo), extremidades de cima e nos pés. Lesões nas pálpebras ou nos olhos precisam de atenção oftalmológica imediata”, de acordo com a organização. Só de imaginar ter seu olhado perfurado já é o suficiente pra você querer ir para o PS.

5) Engolindo facas

lesõeshospital

De maneira semelhante com o item acima, ingerir algum objeto estranho faz qualquer pessoa parar no PS. E apesar de soar absurda, é outra coisa que acontece com frequência. O site Vice conversou com alguns médicos sobre casos bizarros que já viram em um pronto-socorro. Um deles respondeu que pacientes com problemas mentais costumam ter um comportamento de automutilação.

Infelizmente, equipes médicas já nem se surpreendem mais em atender pessoas que engoliram objetos nocivos, em especial facas. E muitas vezes, por incrível que pareça, é mais perigoso remover o objeto do que deixá-lo lá, a não ser que já tenha perfurado algo. A razão é que muitas pessoas praticam isso mais de uma vez, e os médicos já não tem muita paciência pra lidar com caso atrás de caso, então apenas controlam seus sintomas.

  As 10 leis mais absurdas criadas no Brasil

6) As cerdas de metal de escovas para limpar grelhas

Man at barbecue grill preparing meat for a garden party

Se você utiliza escovas com cerdas de metal para limpar a grelha de sua churrasqueira, fique muito atento. As cerdas podem ficar presas, e você ou seus familiares e convidados podem acabar ingerindo-as sem querer. Os números não são alarmantes, mas eles existem.

Uma pesquisa recente mostrou que 1600 pessoas, entre 2002 e 2014, visitaram os prontos-socorros, nos EUA, após ingerirem as cerdas de metal que ficaram presas em grelhas.

Para não estragar o seu churrasco, utilize apenas ferramentas de qualidade, e prepare a comida de maneira apropriada. E o mais importante: esteja atento. Nessas horas, é normal colocar a carne na churrasqueira e ir socializar com a família e amigos, mas sempre manter um olho na sua refeição pode fazer a diferença.

7) O estrado das camas

Modern bedroom interior with vintage furniture

Retornando ao gráfico da FlowingData, citado no primeiro item, os estrados de camas ficaram na terceira posição de coisas que podem te levar ao PS.

Nada mais, nada menos que 620.302 pessoas precisaram ir ao pronto-socorro, em 2014, por conta do estrado de suas camas, e nem é preciso afirmar que é um número altíssimo. Então, preste muita atenção ao comprar uma cama nova, para não parar no hospital por conta dela.

Fonte: CheatSheet

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com