Menino de 12 anos constrói reator de fusão nuclear dentro de casa

0

O que a maioria das crianças de 12 anos costumam fazer? Um garoto no estado americano Tennessee simplesmente construiu um reator de fusão nuclear dentro de casa, se torando a pessoa mais jovem da história a fazer isso. E o pior de tudo é que o processo de montagem nem é tão complicado assim, podem ser reproduzido sem maiores problemas, embora as consequências possam ser no mínimo perigosas.

O reator de fusão nuclear teve sua construção concluída em janeiro de 2018 e um consórcio de entusiastas de construção de reatores nucleares em casa (sim, isso existe!), premiou o garoto Jackson Oswalt como o mais novo a conseguir tal feito. A máquina de Oswalt produz uma espécie de plasma onde os átomos são unidos com grande força, dando origem a átomos maiores e mais pesados e é essa fusão que gera energia.

Um reator de fusão nuclear é muito mais simples de se fazer do que um reator de fissão nuclear, que necessita de elementos complexos como o urânio para poder gerar energia. Reatores de fusão, como o de Oswalt, geralmente usam derivados de hidrogênio, muito mais simples de serem conseguidos. O consórcio responsável por premiar o menino se apressou em informar que o dispositivo construído por ele não pode ser convertido em uma bomba atômica, fazendo com que vizinhos e familiares ficassem muito mais tranquilos.

Reator de fusão nuclear: como fazer

Não há uma receita exata para construir uma máquina como a do garoto, mas basicamente ela é composta por ímãs que suspendem partículas de hidrogênio em uma espécie de vácuo. Essas partículas são então submetidas a uma forte carga elétrica que as força a entrar em processo de fusão. O resultado desse processo é um novo átomo, inicialmente mais pesado, mas que ao se equilibrar, libera elétrons, que são basicamente energia.

Veja também:   Por que um país úmido como o Brasil não deveria ter tantas barragens

Para fazer sua máquina no conforto de casa, Oswalt gastou cerca de 10 mil dólares, isso sem incluir a conta de luz, que certamente deve ter tirado o sono dos pais do garoto, já que o reator precisa de aproximadamente 50 mil volts para funcionar.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com