Viagem no tempo: o programa secreto da CIA

11

Você já se deparou com portais de viagem no tempo diversas vezes na ficção. Portais aparecem em livros, filmes, games e séries de TV. Alguns deles se conectam em lugares distantes, outros viajam para trás ou para a frente no tempo, as mais poderosas pontes em diferentes dimensões. Mas você acredita que esses portais existam no mundo real e estão sendo usados com frequência pelo governo americano há décadas? A maioria das pessoas supõe que esses portais apenas existam no reino do sobrenatural ou ficção científica, mas existem aqueles que acreditam fortemente que os portais foram abertos nos tempos antigos e, muito possivelmente, até mesmo nos dias atuais. Será possível a viagem no tempo?

Essa teoria da conspiração é amplamente apoiada e tem o peso de grandes nomes no cenário americano, De acordo com dois informantes da Segurança Nacional dos EUA, o Departamento de Defesa desenvolveu a tecnologia de viagem no tempo há mais de 40 anos atrás. Já em 1967, o governo dos EUA estava usando uma instalação de viagem no tempo totalmente operacional construída com base na tecnologia QEG (sigla em inglês para Gerador Quântico de Energia Elétrica) de Nicola Tesla. Esta tecnologia teria sido usada para manter a construção de instalações de segredo militar, bem como proporcionaria vantagens políticas e econômicas das informações que o futuro nos reserva. Alguns dizem que a CIA confiscou os papéis de Tesla sobre teletransporte, logo após sua morte. Muitos cientistas atualmente se baseam na tecnologia QEG para construção de um Motor Magnético Perpétuo (over-unity), algo que ainda não fora realizado com sucesso, apesar de inúmeras tentativas.

Michael Relfe está entre um destes dois informantes da segurança Nacional, e é um ex-membro das forças armadas dos Estados Unidos. Relfe é contantemente chamado para entrevistas por ufólogos e teóricos da conspiração. Segundo Relfe, ele afirma que era um membro de uma operação ultra-secreta dos Estados Unidos. Ele foi recrutado em 1976 e passou os 20 anos seguintes ajudando a manter e a expandir uma das duas ou mais colônias norte-americanas em Marte. Essas bases serviram como estratégicos pontos de investigação e objectivos de defesa, e a fim de preservar a confidencialidade desses dados, eles teriam sido construídos no futuro.

Veja também:   Astrônomo tem certeza que 'nave extraterrestre' está chegando

Michael Relfe disse que depois de servir 20 anos na colônia de Marte como parte da equipe permanente, ele teve a idade revertida e foi enviado de volta no tempo. Ele alegou que este era o procedimento habitual e que os funcionários teriam certas memórias bloqueadas ou apagadas antes de serem desligados do serviço.

Dr. Andrew D. Basiago foi participante do Projeto Pegasus DARPA (1968-1972) que focava em viagens no tempo no holograma do tempo-espaço. Ele afirmou que a CIA estava treinando ativamente grupos de estudantes americanos talentosos para se tornarem a primeira geração de exploradores do tempo.

As crianças, segundo Basiago, eram mais adequadas para esta missão por vários motivos perturbadores. Primeiro de tudo, elas eram consideradas candidatos ideais devido às suas mentes puras e também falta de vício ou experiências anteriores. O governo dos EUA estava interessado nos efeitos da viagem no tempo em jovens de corpo e mente. Os voluntários adultos normalmente ficavam loucos depois de várias viagens. Felizmente, as crianças ingênuas tinham pouca experiência e isso, acreditava-se, que poderia levá-los à loucura.

Outro uso para a tecnologia quântica foi encontrada sob o controle político. De acordo com Dr. Basiago, pessoas ligadas a setores de investimento seriam notificadas com antecedência sobre como as ações da bolsa estariam atuando no futuro. Ele disse que, no início dos anos 1970, em Albuquerque, Novo México ele estava presente em um almoço em que George H. W. Bush e George W. Bush foram informados de suas futuras presidências.

Veja também:   Teoria da Terra Oca: saiba o que é e o que a ciência diz sobre

A participação do Presidente Obama

Os presidentes Jimmy Carter e Bill Clinton, também receberam visitas em 1982, e houveram rumores de que o presidente Obama teria sido abordado quando ainda era estudante na UCLA.

Um terceiro informante chamado Bernard Mendez fez esta afirmação durante um seminário realizado em Vancouver, British Columbia em 1 de Junho de 2012, patrocinado pela ExoUniversity.org.

Durante o seminário, Mendez afirmou que ele, Obama, a ex-diretora DARPA, Regina E. Dugan, Andrew D. Basiago, e William B. Stillings participaram de uma aula de treinamento no quarto de “salto” (teletransporte) administrado pelo major Ed Dames no College of the Siskiyous no verão de 1980. Bernard Mendez também afirmou que ele se teletransportou com Obama e Basiago em saltos que ocorreram de 1981 a 1983, quando Obama e Basiago eram estudantes universitários. Na época, Mendez, que uma vez serviu como assistente especial do presidente Richard M. Nixon, estava investigando o programa de teletransporte para a comunidade de inteligência dos EUA.

Em 8 de Novembro de 2011, um repórter relatou revelações feitas por Basiago e Stillings, que Obama participou com ambos no programa do quarto de salto do início dos anos 80. Os dois crononautas em seguida, apareceram no programa de rádio AM, Coast-to-Coast, tarde da noite numa conversa com Laura Madalena Eisenhower, a bisneta do presidente dos Estados Unidos Dwight D. Eisenhower, para discutir sua participação no programa espacial secreto dos EUA. O Major Dames entrou em contato com a rádio para negar seu envolvimento no programa de teletransporte. Então, em janeiro de 2012, através do porta-voz do Conselho de Segurança Nacional Tommy Vietor, Obama também negou que ele era parte do programa de teletransporte da CIA entre 1980 e 1983.

As declarações de Mendez que confirmam a existência do programa de sala de salto da CIA e os papéis desempenhados pelo Major Dames e Obama, refutam diretamente esses alegações. E para apoiar esta afirmação de que Obama sabia antecipadamente que seria o futuro presidente dos EUA, há muitos testemunhos de pessoas que estudaram na faculdade juntamente com Obama que dizem que muitas vezes ele ficava bêbado em festas e, em seguida, afirmava que seria o futuro presidente dos Estados Unidos.

Veja também:   Suposto nono planeta do Sistema Solar pode ser algo totalmente diferente

Outros participantes do programa da Sala de salto, identificados por Mendez e Basiago, incluem Dugan (que agora é um executivo do Google), bem como uma participante do programa que faria parte de uma família presidencial, não confirmaram e nem negaram o seu envolvimento no programa da sala de salto da CIA, como fez o presidente Obama. (Fonte)

Obama teria sido avisado com décadas de antecedência que seria presidente dos EUA.
Obama teria sido avisado com décadas de antecedência que seria presidente dos EUA.

Basiago afirma que, em 1971, ele via imagens do ataque às Torres Gêmeas em 11 de setembro de 2001. Essas imagens haviam sido obtidas no futuro e trazidas de volta para análise. Isto implicaria que o governo dos EUA sabia sobre 9/11 com três décadas de antecedência.

De acordo com os informantes e aqueles que os apoiam, esta tecnologia é mantida em segredo, apesar de ser financiada pelo contribuinte americano. Também não é a primeira vez que estas missões foram mantidas desclassificadas por causa de seu imenso potencial. Eles dizem que as pessoas merecem saber o que realmente está acontecendo, a verdade sobre a exploração espacial e a presença de seres humanos em outros planetas. O teletransporte poderia resolver problemas de transporte em todo o mundo pela movimentação de pessoas e bens instantaneamente. E iria também destruir, imediatamente, a tirânica pirâmide do poder, que controla o mundo.

Agora, quais seriam as vantagens de esconder essas possíveis tecnologias do público? Até que ponto poderia o Governo manipular nossas vidas passadas, presentes e futuras?

Se curtiu a matéria e quer ler mais sobre isso, compartilhe em suas redes sociais.



Discussion11 Comentários

  1. O grande problema do artigo é que carece de mostrar a fontes.

    O laboratório de Wardencliff foi invadido pelo FBI em 1917 e, realmente confiscaram os documentos de Tesla com relação à energia livre. Tesla morreu em 1943. A CIA somente foi criada em 1947. Portanto a CIA não poderia ter confiscado os documentos de Tesla sobre teletransporte, assumindo que eles realmente existiam.

    Além do relato de Michael Relfe, eu conheço outros relatos da existência de bases marcianas:
    1- A neta do ex-presidente dos EUA, Dwight Eisenhower, Laura Magdalene Eisenhower, denunciou há poucos anos esse programa secreto. Inúmeros links podem ser encontrados internet afora sobre esse fato, por exemplo, este: http://www.projectpegasus.net/docs/research_papers/Project-Pegasus-Laura-Eisenhower-outs-Secret-Mars-Colony-Project-2-10-10-Paper.pdf
    2- O trabalho do Dr. Courtney Brown com visão remota descobriu que, realmente, existe pelo menos uma base em marte, mas não foi construída por humanos. Ela foi encontrada desabitada e reaproveitada pelos militares. Diga-se de passagem que Courtney Brown e o Farsight Institute são muito respeitados e têm feito um excelente trabalho científico. Para quem duvida que o trabalho do Dr. Courtney brown seja científico, sugiro que leiam os dois primeiros livros dele sobre visão remota, disponíveis gratuitamente para download em seu website pessoal: http://courtneybrown.com/
    3- David Wilcock, um cineastra norte-americano tem vários posts sobre o assunto em seu blog: http://divinecosmos.com/start-here/davids-blog
    4- Corey Goode (http://spherebeingalliance.com/about-me): http://spherebeingalliance.com/blog/joint-ssp-sphere-alliance-icc-leadership-conference-tour-of-mars-colony-on-6-20.html
    5- Randy Cramer (https://www.youtube.com/watch?v=6FbOiIdgbl0)

  2. Mais uma coisa: é óbvio que o “governo americano” sabia dos ataque às torres gêmeas com antecedência. Foram eles quem planejaram e executaram. Tinham de saber, né?

  3. Prefiro nao duvidar de nada, e crer em quase tudo. Mais muito disso está revelado na Bíblia. É só olha-la com olhos de estudioso e não de fanático.

  4. Quando a ganancia e o egoismo do ser supera seus limites… ele passa a acreditar em tudo oque lhe faz ser conveniente para seu ego…

  5. estar falando em cientificidade, esse égua vem falar de biblia, é um livro p/ freiar o homem sem nenhum embasamento cientico, ou seja, é um material p/ otário, não sei o motivo da maldita igreja não ter lançado a biblia,3,4,5….

  6. Esse portal realmente existe. Já viajei nele, e fui até o ano de 3001 e pasmem, o Palmeiras ainda não tinha ganho um mundial. Desisti de ir mais adiante.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com