Jogar videogame pode afetar o desejo sexual dos homens, diz estudo

0

Os jogos de videogame são um dos passatempos mais populares da atualidade, com um relatório recente sugerindo que até 1,2 mil milhões de pessoas em todo mundo tem o hábito de jogar. Porém, um novo estudo pode indicar que a prática pode ter um efeito colateral indesejado: homens que jogam videogames são menos propensos a sofrer de ejaculação precoce, mas também têm um menor desejo sexual.

O novo estudo foi publicado on-line em The Journal of Sexual Medicine. A equipe entrevistou 396 homens, fazendo perguntas a respeito de seus hábitos, estilo de vida, o seu desempenho sexual e detalhes específicos a respeito do consumo de jogos de videogame. Os homens entrevistados tinham entre 18 e 50 anos.

Os pesquisadores não foram capazes de deduzir, utilizando apenas os dados coletados pelo estudo, qual seria a relação entre os hábitos de jogo dos homens e a sua vida sexual. Porém, a equipe sugere que a diminuição do desejo sexual dos participantes pode ter alguma relação com a superestimulação da dopamina.

A dopamina é um hormônio relacionado ao prazer que é liberado quando uma pessoa está jogando, mas também quando ela tem um orgasmo. A pesquisa levanta a hipótese de que o uso de jogos produz grandes quantidades de dopamina, o que pode fazer com que os gamers criem uma tolerância ao hormônio, o que pode levar a um menor interesse pelo sexo.

“Eu acho que os videogames podem ser semelhantes ao exercício físico nesses aspectos: o uso ocasional pode ter efeitos benéficos, mas quando o limite entre o ‘uso ocasional’ e o ‘abuso crônico’ é cruzado, podem ocorrer efeitos negativos”, afirma o pesquisador principal do estudo, Dr. Andrea Sansone.

“Estamos apenas arranhando a superfície desse novo campo de pesquisa: espero que mais cedo ou mais tarde possamos produzir resultados mais sólidos. Enquanto isso, continuarei jogando”, afirmou o cientista.

O hábito de jogar videogame não traz apenas efeitos negativos: várias pesquisas apontam que a prática pode ajudar a melhorar funções cognitivas, aliviar o estresse, melhorar o foco e a atenção e até desenvolver o processamento cerebral.

Um artigo publicado no Sage Journals sugere que jogar jogos onde os jogadores tenham que se concentrar em objetivos rápidos, ou em que os jogadores tomem decisões rápidas, ajudam a fortalecer sua função cognitiva. No entanto, é verdade que os efeitos positivos dos jogos na mente humana ainda é um tema controverso. 

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com