Cientistas desenvolvem laser que pode levar sonda para Marte em dias

0

A exploração espacial pode estar prestes a passar por uma revolução. Cientistas estão desenvolvendo um sistema de propulsão a laser que pode levar uma sonda até Marte em questão de poucos dias, além de facilitar o envio de equipamentos para além das fronteiras do Sistema Solar. Parece que muito do que estamos acostumados a ver em ficção científica está prestes a se tornar realidade.

O projeto, denominado Breakthrough Starshot, contou até mesmo com a participação do astrofísico Stephen Hawking em seus estudos iniciais, ao lado de outros cientistas e empresários que bancam a iniciativa. Os cientistas trabalham com uma verba de 100 milhões de dólares por 10 anos de pesquisa e os resultados até agora são bastante animadores.

O sistema consiste no envio de pequenos objetos chamados de StarChips que graças a aplicação de nanotecnologia carregariam uma infinidade de câmeras e sensores. Esses objetos, do tamanho de pequenos chips, seriam acoplados uma espécie de “vela”, composta por um material extremamente fino, porém resistente. Essa vela receberia raios laser enviados de um super equipamento na Terra e transformaria a energia em movimento.

O grande laser ficaria localizado no Chile e é um dos únicos entraves do projeto até o momento, especialmente por causa de seu elevado custo. Os cientistas esperam colocar a ideia em prática em meados da década de 2030.

Avaliando todas as possibilidades

O projeto em si já foi desenvolvido, embora não tenha sido testado, com exceção de alguns protótipos de StarChips que orbitaram a Terra. Os cientistas avaliam no momento algumas das possibilidades que impediriam a operação do sistema. Uma delas seria a ocorrência de radiação e ventos solares, além de pequenos objetos flutuando pelo espaço, que poderiam danificar a vela.

Veja também:   Profundezas da web: o que são os chans e qual sua relação com crimes

Além disso, o laser é um problema a ser resolvido, não só por seu custo, mas pelo perigo em si. Segundo os pesquisadores do projeto Breakthrough Starshot, um laser dessa potência poderia incinerar uma cidade inteira em minutos caso fosse simplesmente redirecionado com um espelho. Logo, medidas de segurança devem ser elaboradas antes de qualquer coisa entrar em funcionamento.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com