Físicos russos conseguem inverter o tempo em nível quântico

0

Com a colaboração de pesquisadores dos Estados Unidos e da Suíça, alguns pesquisadores russos do Instituto de Física e Tecnologia de Moscou acabaram de conseguir um feito impressionante. Eles inverteram o tempo em um experimento quântico.

Eles conseguiram devolver o estado de um computador quântico em uma fração de segundo do passado. Eles também calcularam a probabilidade de um elétron no espaço interestelar vazio viajar espontaneamente de volta ao seu passado recente. Foi descoberto que isso só ocorreria apenas uma vez em toda a história do universo.

“Este é um de uma série de artigos sobre a possibilidade de violar a segunda lei da termodinâmica. Essa lei está intimamente relacionada com a noção da flecha do tempo que postula a direção unidirecional do tempo, do passado para o futuro”, disse o principal autor do estudo, Gordey Lesovik.

A segunda lei da termodinâmica determina que um sistema isolado permaneça estático ou evolua sempre para o caos. Os físicos quânticos de Moscou decidiram verificar se o tempo poderia se inverter espontaneamente, pelo menos para uma partícula individual e por uma pequena fração de segundo.

Por isso, eles examinaram um elétron solitário no espaço interestelar vazio.

“Suponha que o elétron esteja localizado quando começamos a observá-lo. Isso significa que temos certeza sobre sua posição no espaço. As leis da mecânica quântica nos impedem de conhecê-la com absoluta precisão, mas podemos delinear uma pequena região onde o elétron está localizado”, disse outro dos autores do estudo, Andrey Lebedev.

“A equação de Schrödinger é reversível”, explica Valerii Vinokur, outro autor do artigo, do Argonne National Laboratory, nos EUA. “Matematicamente, isso significa que sob uma certa transformação chamada conjugação complexa, a equação descreverá uma ‘mancha de elétron’ localizada no passado em uma pequena região do espaço no mesmo período de tempo”.

Veja também:   "Magro de ruim": ciência descobre o segredo daquelas pessoas que nunca engordam

Por fim, os pesquisadores tentaram reverter o tempo em um experimento de quatro estágios. Em vez de um elétron, eles observaram o estado de um computador quântico feito de dois e mais tarde três elementos básicos chamados de qubits supercondutores.

Os pesquisadores descobriram que, em 85% dos casos, o computador quântico de dois qubits de fato retornou ao estado inicial.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com