Humanidade vai receber sinais alienígenas ainda nesse século, diz físico

0

Não se sabe se e quando faremos contato com civilizações extraterrestres. A ideia é considerada por muitos como ficção científica, mas para o físico Michio Kaku, sinais alienígenas serão detectados até o fim deste século.

Kaku realizou uma sessão de perguntas e respostas no Reddit, onde falou sobre o contato com extraterrestres. “Pessoalmente, sinto que dentro deste século, entraremos em contato com uma civilização alienígena, ouvindo suas comunicações de rádio. Mas falar com eles será difícil, uma vez que eles podem estar a dezenas de anos-luz de distância”, afirmou.

Veja também:   Como vamos reagir se descobrirmos vida alienígena, segundo psicólogos

Para ele, tudo dependerá do grau de avanço da civilização que entrar em contato. Outra variável diz respeito às intenções dos ETs, que podem ser pacíficos, ou podem buscar recursos da Terra. Também é possível que queiram simplesmente aniquilar a raça humana.

O físico também cita como uma variável a classificação dos alienígenas na escala de Kardashev, que mede o avanço tecnológico de uma civilização a partir da capacidade de utilizar energia para comunicação.

A escala tem três níveis. No primeiro, onde se encontra a humanidade, é possível utilizar energia gerada no planeta. O segundo nível diz respeito a civilizações que poderiam usar energia da estrela mais próxima. Já o terceiro e último nível classifica civilizações que poderiam se aproveitar da energia de uma galáxia inteira.

Contato via rádio

Kaku e outros especialistas no assunto apostam que os primeiros sinais alienígenas serão detectados em uma frequência de rádio conhecida como banda estreita. Algo que só seria possível com um desenvolvimento tecnológico igual ou maior do que o nosso.

A banda estreita consiste em uma faixa específica e pequena do espectro de ondas de rádio, que muito provavelmente só pode ser acessada de forma proposital, com instrumentos próprios.

A maioria dos objetos do universo conhecido só emite radiação em frequências muito mais amplas, dessa forma, seria fácil detectar uma mensagem em banda estreita.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com