Nitrato de Amônio: o que é a substância que causou explosão no Líbano?

0

O mundo inteiro ficou chocado com a explosão que aconteceu no porto de Beirute, capital do Líbano. O principal suspeito?

Nitrato de amônio, uma substância usada em explosivos e fertilizantes, conhecida por seu poder de destruição, principalmente quando não é armazenada da forma correta. Vídeos da explosão circulam pela internet e impressionam pela violência.

O nitrato de amônio é uma substância explosiva extremamente potente, como revelam as imagens do acidente.

Ele é também um dos fertilizantes mais usados no mundo pela indústria agrícola, além de ser usado na fabricação de explosivos, tanto para uso militar como em fogos de artifício, por exemplo. Costuma ser armazenado em grandes quantidades, por isso a segurança é tão necessária.

O local de armazenamento não deve acumular uma quantidade muito grande do nitrato no mesmo local, evitando assim os chamados pontos quentes.

Dessa forma, a temperatura permanece estável e não há risco de explosão. No entanto, um incêndio, que é a provável origem da explosão em Beirute, pode tornar todo o local de armazenamento um grande problema.

De acordo com o presidente do Líbano, Michel Aoun, haviam 2750 toneladas de nitrato de amônio armazenados desde 2014 no porto de Beirute.

As autoridades libanesas agora investigam as causas, procurando por irregularidades no método de estocagem, o que muito provavelmente acabou acontecendo. Mais de uma centena de pessoas morreram na explosão. Milhares se feriram e estão desabrigadas.

Outros acidentes

O nitrato de amônio já causou outros estragos ao longo da história.

Em 1947, um navio americano com 2 mil toneladas da substância explodiu, no que foi considerado a explosão não nuclear mais forte da época. Em 2015, 173 pessoas morreram em um acidente na China, muito similar ao que ocorreu no Líbano.

O produto também já foi usado em ataques terroristas nos Estados Unidos em 1995 e na Noruega em 2011. A explosão em Beirute foi sentida como um terremoto na Alemanha e o estrondo foi ouvido na ilha de Chipre.

Imóveis fora de Beirute tiveram janelas estilhaçadas e uma cratera surgiu no porto, sendo coberta pelo mar.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com