Planeta está mais verde e mais quente, afirma pesquisa da Nasa

1

O planeta Terra está mais verde. O aumento de vegetação na superfície global foi significativo nas últimas décadas – muito disso em função do excesso de emissões de dióxido de carbono.

É o que aponta um estudo feito pela Nasa e recentemente divulgado. Áreas que antes eram geleiras, estéreis ou arenosas estão cobertas de folhagem verde. As emissões de carbono têm alimentado o “esverdeamento” em uma área com o dobro do tamanho dos Estados Unidos entre os anos de 1982 e 2009.

Apesar de ser uma boa notícia, as consequências da transformação da paisagem são imprevisíveis. De acordo com os pesquisadores da Nasa, o “esverdeamento” radical pode mudar o ciclo da água e do carbono no sistema climático.

Dados da pesquisa

planeta-terra-verde

Cerca de 32% da superfície da Terra é de flora. Todas as plantas utilizam dióxido de carbono e luz solar para sobreviverem, por meio da fotossíntese.

Um estudo anterior já havia apontado que o dióxido de carbono potencializa o crescimento das plantas, por meio do aumento da taxa de fotossíntese.

Outra pesquisa diz que as plantas são as principais responsáveis por absorver o dióxido de carbono atmosférico. As atividades humanas fazem com que cerca de 10 bilhões de toneladas de dióxido de carbono sejam emitidos por ano – e metade dele é armazenado nas plantas.

  Os 8 dinossauros mais legais que você não conhecia

Mais CO2 = mais verde

Vegetação_endémica

Inicialmente, não ficou claro se o “esverdeamento” do planeta apontado por dados de satélites pode ser explicado pelas altas concentrações de CO2 na atmosfera (a mais alta nos últimos 500 mil anos).
Chuva, luz solar, nitrogênio e uso da terra também afetam como as plantas crescem.

Com a questão ainda a ser resolvida, os cientistas fizeram uma análise minuciosa dos dados enviados pelos satélites e chegaram à conclusão de que 70% do “esverdeamento” da Terra está relacionado à alta concentração de dióxido de carbono na atmosfera.

Ou seja: a área verde da Terra cresceu especialmente porque continuamos emitindo muito CO2. As próprias plantas entenderam o aumento da demanda de dióxido de carbono.

Aquecimento global ainda preocupa

frio-calor-flickr
Ter mais área verde no planeta é uma notícia positiva. No entanto, é um bom reflexo de uma péssima situação.

O excesso de emissão de dióxido de carbono traz uma série de consequências preocupantes, como aquecimento global, derretimento de geleiras, elveação do nível do mar e tempo perigoso, de acordo com a pesquisa.

Além disso, o “esverdeamento” do planeta pode ser uma mudança temporária, pois as plantas têm capacidade de se adaptar, por algum período, à demanda de dióxido de carbono na atmosfera.

Discussão1 Comentário

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com