Os 9 programas de jogos de TV mais bizarros do Japão

1

O Japão é famoso por muitas coisas: samurais, animes, robôs, sushi e sua enorme variedade de jogos bizarros. Pegue a ideia mais estranha que você já imaginou e adicione figurinos, luzes piscantes, locutores gritando e algum tipo de animal com raiva e você acabou de inventar um show de sucesso infalível.

Acha que estou exagerando? Então dê uma olhada em alguns dos programas de jogos japoneses mais estranhos de todos os tempos – e prepare-se pra ser surpreendido.

Veja os programas de jogos mais bizarros do Japão:

Tore!

O conceito por trás do Tore! é bastante simples: os competidores têm que resolver quebra-cabeças ou responder enigmas… Enquanto são mumificados lentamente. Deve ser difícil raciocinar com um rolo de gaze gigante te envolvendo. Pelo menos nós finalmente descobrimos o verdadeiro segredo por trás da construção das pirâmides.

Downtown no Gaki no Tsukai ya Arahende!!

No Japão, muitos programas de jogos são realmente segmentos de programas de variedades, em vez um programa a parte. Um dos mais famosos desses shows é Downtown no Gaki no Tsukai ya Arahende!!, que apresenta uma série de comediantes populares fazendo esquetes, puxando brincadeiras e inventando jogos cada vez mais estranhos. Melhor exemplo? Homens suados em fraldas aproximando seus traseiros lentamente pros rostos dos competidores perdedores. Aposto que isso é crime em qualquer país.

Takeshi’s Castle

O avô dos programas de jogos japoneses como os conhecemos é o Takeshi’s Castle. Originalmente exibido no final dos anos 80, Takeshi’s Castle contou com um elenco enorme de competidores em jogos loucos, como pular contra paredes, utilizar o próprio corpo como bola de boliche, ou se vestir como enormes mãos e bater uns nos outros. Durou apenas alguns anos no Japão, mas, desde então, produziu alguns clones em quase 30 outros países, incluindo as Olimpíadas do Faustão. Nada pode igualar a genialidade macabra do original.

Dero!

Antes de Tore!, havia Dero!, que desafiou os participantes a encontrarem o caminho pra fora de um edifício cheio de armadilhas em troca de fama, fortuna e, presumivelmente, o direito de viver. Era essencialmente a franquia Jogos Mortais com risos, o que pode parecer redundante até que você veja as armadilhas infames de Dero! Quem precisa de realidade virtual quando você pode participar desse tipo de jogo na vida real?

Candy or Not Candy?

É uma pergunta simples: é doce ou não? Deveria ser fácil de descobrir. Mas não no Japão, graças a uma forma de arte chamada Sokkuri, onde doceiros cruéis criam doces que parecem exatamente como objetos domésticos comuns. No programa Candy or Not Candy?, competidores são colocados numa sala e desafiados a escolher o que vão comer. Será que a sua próxima mordida vai ser chocolate ou madeira, couro ou estofado de sofá? É uma premissa tão simples e estúpida, mas ridiculamente divertida.

Team Fight!

Team Fight! é exatamente o que o título promete. Equipes – que muitas vezes consistem em membros de bandas populares ou outras celebridades – competindo uns contra os outros por prêmios. Mas é a natureza da competição que faz o sucesso. Cada luta tem regras completamente diferentes e aleatórias, como desviar de bolas de boliche, a ser atacado por luvas de boxe e… bem, o que diabos eles estão fazendo no clipe acima??? Imagine assistir semanalmente os membros do One Direction contra as estrelas do NCIS: Los Angeles nos Jogos Vorazes e você vai começar a ter uma ideia do que é Team Fight!

Let’s Go to the End of the World

Let’s Go to the End of the World é como uma maratona, mas sem corridas. É apenas pessoas vagando ao redor do planeta, conhecendo estranhos e fazendo tarefas estranhas porque… Bem… Eles estão na televisão e precisamos de entretenimento. Até que ponto os concorrentes estão dispostos a ir pra ganhar alguns ienes? Literalmente a qualquer lugar do mundo – e eles enfrentam ursos irritados no processo só pela nossa diversão. Obrigado, Japão!

Silent Library

Como naquele jogo dos traseiros, Silent Library estreou originalmente como um segmento do Downtown no Gaki no Tsukai ya Arahende!!, mas provou ser tão popular, que logo se tornou o seu próprio programa de TV. Por quê? Bem, a premissa é basicamente Jackass dentro de uma biblioteca: uma equipe de idiotas fazendo brincadeiras dolorosas e embaraçosas, mas com a reviravolta de que eles não podem fazer quaisquer sons, porque os alunos ao redor estão estudando. A MTV importou esse programa e é fácil perceber o porquê.

AKBingo!

Finalmente, AKBingo! Esse faz parte de um subgênero de um subgênero: um show de variedades estrelado por cantoras pop famosas que apresentam jogos. Não é o primeiro de seu tipo, tendo a banda Morning Musume ganhado fama viral graças ao quadro Hello! Morning, onde elas foram amarradas e agredidas por um lagarto selvagem. AKBingo!, porém, alcançou um novo nível com um jogo incrível, onde a banda competia assoprando insetos mortos na boca uma das outras através de um tubo. Isso valeria o preço do ingresso da Anitta!



Discussão1 Comentário

  1. Há um equívoco na parte do programa AKBingo,a parte do tubo com inseto não é tecnicamente um jogo e sim uma punição,o verdadeiro jogo que levou a essa punição digamos assim é o muchaburi dodgeball (nos primeiros 20s do vídeo),a exceção é que no caso a participante que foi acertada no jogo pode escolher uma outra pra participar da dita punição.

Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com