Estudo mostra que secadores de mão automáticos espalham fezes pelo ar

0

Secadores de mão automáticos, daqueles geralmente presentes em shoppings e outros estabelecimentos, são considerados mais ecológicos. Mas eles trazem outro problema: cientistas descobriram que o ar quente despeja uma grande quantidade de bactérias nas mãos.

Veja também:   NASA admite que precisa de ajuda para lidar com 'cocô espacial'

Um estudo realizado pela Universidade de Connecticut nos secadores da própria universidade mostrou que o uso desses aparelhos aumenta muito a quantidade de bactérias que entram em contato com as mãos, incluindo micro organismos presentes nas fezes.

A viagem dessas bactérias começa quando alguém dá descarga com a tampa do vaso aberta. Pesquisas mais antigas mostram que partículas de fezes podem viajar mais de 4 metros pelo ar nessas condições. O que o secador faz é sugar o ar cheio dessas partículas e jogá-las direto nas mãos das pessoas.

Os cientistas analisaram o ar dos banheiros e o ar dos secadores com o auxílio de placas de Petri. Enquanto o ar comum do banheiro mostrou uma colônia de bactérias, o dos secadores gerou amostras que variavam entre 18 e 60 colônias, muitas delas de micro organismos presentes nas fezes humanas.

O resultado impressionou tanto os pesquisadores, que o chefe do estudo, Peter Setlow, afirmou que ele desistiu de usar secadores automáticos. A Universidade de Connecticut voltou a disponibilizar toalhas de papel para secar as mãos nos banheiros.

Muita calma nessa hora

Antes de declarar guerra aos secadores automáticos, é preciso notar alguns outros dados da pesquisa. Segundo Setlow, não há motivo para deixar de usar os aparelhos, desde que você seja saudável. Já pessoas com imunidade baixa, podem preferir evitá-los.

Além disso, estudiosos afirmam que a maioria das bactérias encontradas em banheiros não são nocivas à saúde humana. Existem outras bactérias mais perigosas em locais que as pessoas se preocupam menos.

E quanto ao papel, os cientistas afirmam que a quantidade de bactérias presente nas folhas é realmente menor do que no secador, porém em uma quantidade insignificante do ponto de vista médico.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com