Saiba quais são os 10 animais mais perigosos do mundo

0
página 1 de 2

Muitos já se pegaram pensando como seria se sofressem um acidente de avião, caíssem em uma selva e sobrevivessem. Algo bem ao estilo do seriado “Lost”.

Ao ficarem perdidos em uma floresta, uma das maiores preocupações é saber lidar com as espécies selvagens que estão por ali. Mas saiba que os animais mais perigosos do mundo não estão nas selvas. Eles ficam mais próximos do que imaginamos.

Veja, abaixo, quais os 10 animais mais perigosos do mundo:

10) Abelha africanizada

10-abelha-africanizada

Altamente agressiva, a abelha africanizada é um cruzamento da abelha africana e da europeia. Apesar de serem excelentes produtoras de mel, elas são mais poderosas em seus ataques.

A abelha africanizada não mata somente outras espécies de abelhas ou animais. Ela também pode formar grupos e sair por aí, atacando quem estiver na frente, sempre que se sentirem ameaçadas. A taxa de mortalidade dos ataques dessas abelhas é de quase 100%, graças às toxinas de seus ferrões.

9) Mosca tsé-tsé

09-mosca-tse-tse

Conhecida como a mosca do sono, a tsé-tsé é um dos animais mais perigosos do mundo. Ela não tem veneno, mas transmite o vetor que causa a doença do sono.

Os sintomas são muito mais agressivos que uma simples sonolência, pois incluem febre, tremores, dores musculares e efeitos neurológicos. Isso acontece porque o parasita se reproduz dentro do corpo humano até invadir o cérebro. As vítimas de ataques da mosca tsé-tsé podem morrer entre seis meses e seis anos após a infecção.

Veja também:   Por que julho de 2019 foi o mês mais quente da história?

8) Conus

08-conus - Copia

O conus pode parecer somente um molusco comum, mas esse animal possui uma gama gigante de toxinas que podem ser inoculadas nas vítimas por meio de um arpão, que fica guardado em sua concha.

Molusco de hábitos noturnos, o conus pode ser fatal. Há vários registros de mortes humanas causadas por acidentes relacionados a ele, principalmente na Austrália. O veneno do conus vem sendo estudado para ser um anestésico mil vezes mais potente que a morfina.

7) Peixe-pedra

07-peixe-pedra

O peixe-pedra é tão casca-grossa que pode sobreviver até um dia fora da água. Mede de 30 cm a 60 cm e vive nos oceanos Índico e Pacífico.

O animal morde quando é pisado – e isso acontece com frequência, pois muitos o confundem com uma pedra. O ataque provoca dores insuportáveis e pode matar, dependendo da resistência da vítima. Da próxima vez que viajar para a praia, tome muito cuidado, principalmente com as pedras.

6) Mamba negra

06-mamba-negra

Com a mamba negra, não adianta nem correr: o animal pode atingir a incrível marca de 20 km/h em uma corrida. O nome mamba negra é derivado da cor de sua boca, que exibe em sinal de ameaça.

Tradicional na África, esta espécie tem um veneno letal. Após o ataque, a pessoa pode morrer por paralisia em até 20 minutos.

Clique no botão “Próxima página” e ontinue a ver a lista.

página 1 de 2



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com