Destroços de estação espacial chinesa podem cair no Brasil; saiba mais

0

A estação espacial chinesa Tiangong-1 irá cair na superfície da Terra entre o final de março e o início de abril. Ao contrário do que se espera, é possível que o objeto acabe caindo no Brasil, mas ainda não há informações precisas.

Veja também:   Estação espacial chinesa cairá na Terra, só não se sabe exatamente onde

Desativada em 2016, a estação de 10 metros de comprimento e 3 de diâmetro, com peso de 8 toneladas e meia, está caindo lentamente e deve atingir a crosta nos próximos dias. Estimava-se que ela cairia na altura do paralelo 43º, em qualquer um dos dois hemisférios.

No entanto, o Brasil pode acabar sendo atingido pelos destroços da estação espacial chinesa, embora com chances mais remotas. O responsável pelo cálculo é o engenheiro aeronáutico Marco Caetano, que postou em seu Twitter um mapa mundi mostrando as áreas sujeitas a receber o impacto. Confira:

Como afirma Caetano, o momento e locais exatos da queda só poderão ser previstos com maior precisão quando o momento estiver bem mais próximo, logo, não há muito que fazer por enquanto.

Atualmente, a Agência Espacial Europeia estima a data de entrada da Tiangong-1 na atmosfera entre os dias 24 de março e 19 de abril, porém a margem de erro é de uma semana, o que pode alterar bastante a data real.

Sem pânico

A empresa americana Aerospace Corporation não vê motivo para pânico em relação à queda da estação espacial. Eles explicam que a maior parte do objeto será incinerada quando entrar na atmosfera e apenas alguns pedaços podem atingir o solo.

Mesmo assim, a possibilidade de ser atingido por um pedaço de nave espacial é pequena. “Quando considerado o pior caso, a probabilidade de uma pessoa específica ser atingida por destroços da Tiangong-1 é cerca de um milhão de vezes menor que as chances de ganhar sozinho na loteria”, garante a empresa.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com