Planeta recém-descoberto está evaporando em velocidade recorde

0

Existe um tipo de exoplaneta gasoso conhecido como “Netunos quentes”, que está entre os mais raros do universo. Um planeta recém-descoberto pode ter explicado o porquê. Ele está literalmente evaporando a uma velocidade nunca antes observada pelos astrônomos, perdendo sua atmosfera muito rapidamente. Isso deve ser a resposta para escassez de “Netunos quentes” no universo.

O planeta Gliese 3470 b é um “Netuno quente” e está perdendo sua atmosfera de forma muito rápida. Ele se encaminha para passar a ser um “mini-Netuno”, que por sua vez, é um dos tipos de exoplanetas mais comuns observados pelos cientistas e essa transição provavelmente é a explicação para que um tipo seja tão raro e outro seja tão abundante. Os “Netunos quentes” devem perder sua atmosfera de maneira muito rápida e se transformam então em “mini-Netunos”.

O Gliese 3470 b não é o único planeta a estar perdendo sua atmosfera, mas ele está evaporando cerca de 100 vezes mais rápido do que o normal. Outro planeta, o GJ 436b, também está evaporando, mas as condições dele são mais comuns.

Ambos possuem tamanhos similares e estão localizados a distâncias parecidas de suas estrelas. Mas no caso do primeiro, a estrela é muito maior e mais brilhante, fazendo com que ele seja submetido a mais radiação. Sua densidade também é menor, o que faz com que a atmosfera sofra menos resistência para sair do planeta.

Vários Netunos

Planetas como o Gliese 3470 recebem uma classificação baseada em Netuno por terem características parecidas com a do nosso vizinho do Sistema Solar. No entanto, ao contrário dele, estão bem mais próximos de suas estrelas, o que os torna quentes, daí a nomenclatura. São basicamente gigantes gasosos, de tamanho similar a Netuno e Urano, porém menores do que Júpiter e Saturno.

Veja também:   Pesquisa afirma que abandonar o Facebook por um mês aumenta a felicidade

Já os “mini-Netunos” conservam as características de composição do planeta, mas como o nome confirma, são bem menores, com tamanhos equivalentes ao da Terra, ou um pouco maiores. Estão entre os planetas mais comuns entre os observados.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com