Privação do sono, fome e sexo: como era a seita da atriz de Smallville

0

O mundo foi surpreendido com a notícia de que a atriz Allison Mack, famosa pela série Smallville, liderava uma seita que abusava de mulheres. Mas como isso funcionava? Os rituais de iniciação envolviam práticas como privação do sono, alimentação precária, sexo e humilhações.

A seita, denominada NXIVM (pronuncia-se Nexium), foi criada pelo guru Keith Raniere, com quem Mack trabalhava no recrutamento de mulheres para o que parece ser um círculo interno, ainda mais obscuro, denominado DOS. Aparentemente, uma sigla para “dominus obsequious sororium”, ou “mestre das mulheres escravas” em tradução aproximada do latim.

Os rituais de iniciação incluíam marcações a ferro quente na região da pélvis, além de humilhações, como serem obrigadas a pedir pela cauterização. Testemunhas alegam que os rituais eram filmados e fotografados.

Raniere obrigava suas “escravas” a seguir uma dieta para que ficassem magras, como era de sua preferência, além de serem proibidas de depilarem os pelos da região genital. Mulheres sofriam abusos físicos e sexuais sob a justificativa de eliminar a “incapacidade de manter promessas” e sua “natureza superemotiva”.

O falso guru selecionava mulheres como Allison Mack e outras poucas para ocupar cargos dentro da seita e aliciar mais mulheres, especialmente ricas e bem sucedidas. Raniere foi preso após fugir para o México e Mack aguarda julgamento.

O futuro da atriz

A atriz, famosa por viver a jornalista Chloe Sullivan por 10 anos na série Smallville, pagou uma fiança de 5 milhões de dólares e aguarda seu julgamento em liberdade. Ela nega as acusações e recentemente foi vista usando uma tornozeleira eletrônica.

O julgamento ocorre no próximo dia 3 de maio e enquanto aguardam, seus advogados tentam negociar um acordo de delação premiada, onde ela teria sua pena reduzida caso denuncie outros membros da seita. A pena de Mack pode variar entre 15 anos e prisão perpétua.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com