Governo pede a americanos que parem de lavar e reutilizar camisinhas

0

O governo dos Estados Unidos, por meio do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), precisou emitir um alerta absurdo e inusitado: um pedido para que a população do país pare com o hábito de lavar e reutilizar camisinhas.

Sim, você não leu errado. O CDC descobriu que muitos americanos preferem reutilizar camisinhas do que comprar novas. “Estamos falando porque as pessoas fazem isso: não lavem nem reusem #camisinhas. Use uma nova a cada ato #sexual”, disse o centro, em sua conta oficial no Twitter.

As camisinhas, como estamos cansados de saber, foram criadas para proteger você e seu parceiro sexual de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e, claro, evitar uma gravidez indesejada. No entanto, elas foram criadas para serem utilizadas apenas uma vez, já que sua efetividade vai embora após o uso.

“O uso incorreto, como reutilizá-la ou usá-la mais de uma vez, diminuiu o efeito de proteção das camisinhas, pois isso pode causar rompimentos ou vazamentos”, lembra Elizabeth Torrone, epidemiologista do CDC. Além disso, lavar camisinhas com o intuito de livrá-las de vírus e bactérias também não adianta muito.

A descoberta foi feita após uma pesquisa conduzida pelo próprio CDC, que analisava os erros mais comuns da população na hora de usar camisinhas. O centro não deu uma explicação oficial sobre o motivo que o levou a fazer o comunicado, mas ele pode estar ligado com um dado preocupante sobre as DSTs nos Estados Unidos.

Veja também:   Astronauta Marcos Pontes é anunciado para Ministério da Ciência e Tecnologia

Por exemplo, em 2016, foram registrados 2 milhões de casos de gonorreia, sífilis e clamídia nos Estados Unidos, os maiores números desde que os dados começaram a ser registrados.

E parece que os cidadãos americanos realmente estão por fora desse assunto. A pesquisa feita pelo CDC identificou outros erros grotescos, como colocar o preservativo durante o ato sexual, não desenrolá-lo por completo e colocá-lo do lado errado.



Deixe um Comentário

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com